Denarc apreende fuzil, drogas e munições com mulher que vinha do RJ

Geral


  • DROGAS E MUNIÇÕES FORAM ENCONTRADAS COM MULHER EM ÔNIBUS QUE VINHA DO RIO DE JANEIRO PARA SERGIPE; homem foi preso ontem em socorro

 

Duas pessoas foram presas após uma investigação do Departamento de Narcóticos (Denarc), que interceptou uma carga de drogas e munições que foi despachada do Rio de Janeiro para Sergipe. A apreensão aconteceu no último sábado, quando uma equipe de policiais civis, militares e rodoviários federais interceptaram um ônibus de passageiros em Cristinápolis (Sul). Uma suspeita, identificada como Layla Silveira dos Santos, 19 anos, foi presa em flagrante. Segundo a polícia, ela carregava em sua mala um fuzil, 35 quilos de maconha em tabletes, 200 projéteis de calibre 556, 1.550 munições do tipo 9 milímetros e 100 munições calibre 223, além de oito seletores de rajada, que podem ser adaptados em armas de fogo da marca Glock.
O material foi localizado a partir de uma denúncia anônima que mostrava que ela trazia drogas e armas para a cidade de Nossa Senhora do Socorro. A suspeita da polícia é de que a jovem teria aceito fazer o transporte das munições em trocas de um pagamento de R$ 3 mil. Ontem, o Denarc prendeu um homem suspeito de ser o destinatário da carga de armas e munições. O caso está sendo investigado pelo próprio departamento, que ainda apura quem enviou a droga e as armas, além foi que seria feito com esse material. 
Além do Denarc, a investigação teve o apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM), operação Força-Tarefa do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) de Combate ao Crime Organizado no estado do Ceará e Polícia Rodoviária Federal. 
Barra - Em outra ocorrência registrada ontem, agentes e soldados do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), na Barra dos Coqueiros (Grande Aracaju), prenderam em flagrante Emerson dos Santos, o "Boca", acusado por tráfico de drogas. A ação policialocorreu no Loteamento Suzana Azevedo e também gerou o cumprimento de um mandado de prisão contra o investigado. 
De acordo com o delegado Werner Azevedo, da 11ª Delegacia Metropolitana (11ª DM) foram apreendidos 37 quilos de maconha, 320 gramas de crack e 583 gramas de cocaína, que estavam enterrados na casa do suspeito. "Em cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão conseguimos apreender drogas, em posse do investigado. Ele fazia parte de uma organização criminosa que estávamos investigando e estamos aos poucos tentando dissolver esse grupo, prendendo seus integrantes e diminuindo o tráfico de drogas na região", explicou.

Duas pessoas foram presas após uma investigação do Departamento de Narcóticos (Denarc), que interceptou uma carga de drogas e munições que foi despachada do Rio de Janeiro para Sergipe. A apreensão aconteceu no último sábado, quando uma equipe de policiais civis, militares e rodoviários federais interceptaram um ônibus de passageiros em Cristinápolis (Sul). Uma suspeita, identificada como Layla Silveira dos Santos, 19 anos, foi presa em flagrante. Segundo a polícia, ela carregava em sua mala um fuzil, 35 quilos de maconha em tabletes, 200 projéteis de calibre 556, 1.550 munições do tipo 9 milímetros e 100 munições calibre 223, além de oito seletores de rajada, que podem ser adaptados em armas de fogo da marca Glock.
O material foi localizado a partir de uma denúncia anônima que mostrava que ela trazia drogas e armas para a cidade de Nossa Senhora do Socorro. A suspeita da polícia é de que a jovem teria aceito fazer o transporte das munições em trocas de um pagamento de R$ 3 mil. Ontem, o Denarc prendeu um homem suspeito de ser o destinatário da carga de armas e munições. O caso está sendo investigado pelo próprio departamento, que ainda apura quem enviou a droga e as armas, além foi que seria feito com esse material. 
Além do Denarc, a investigação teve o apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM), operação Força-Tarefa do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) de Combate ao Crime Organizado no estado do Ceará e Polícia Rodoviária Federal. 

Barra - Em outra ocorrência registrada ontem, agentes e soldados do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), na Barra dos Coqueiros (Grande Aracaju), prenderam em flagrante Emerson dos Santos, o "Boca", acusado por tráfico de drogas. A ação policialocorreu no Loteamento Suzana Azevedo e também gerou o cumprimento de um mandado de prisão contra o investigado. 
De acordo com o delegado Werner Azevedo, da 11ª Delegacia Metropolitana (11ª DM) foram apreendidos 37 quilos de maconha, 320 gramas de crack e 583 gramas de cocaína, que estavam enterrados na casa do suspeito. "Em cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão conseguimos apreender drogas, em posse do investigado. Ele fazia parte de uma organização criminosa que estávamos investigando e estamos aos poucos tentando dissolver esse grupo, prendendo seus integrantes e diminuindo o tráfico de drogas na região", explicou.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS