Sem consenso

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 10/08/2013 às 03:22:00

A próxima segunda-feira, 12, é o prazo final para a inscrição de chapas para o Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores. O PT em Sergipe caminha para ter três candidatos a presidente da legenda, cuja eleição interna acontece nacionalmente em 10 de novembro com o Processo de Eleição Direta (PED).

A tendência Articulação de Esquerda, da deputada estadual Ana Lúcia e do vereador Iran Barbosa, vai lançar uma chapa a ser encabeçada por Ana Lúcia. É praxe essa tendência inscrever uma chapa nas eleições internas do PT que acontecem a cada quatro anos.

Pelo agrupamento Construindo um Novo Brasil, que é a tendência do governador Marcelo Déda, não há consenso. Dois nomes devem disputar a presidência: os deputados federais Márcio Macedo e Rogério Carvalho. Não adiantou nada o ex-presidente estadual do PT, o secretário Silvio Santos (Casa Civil), ter retirado sua candidatura visando um entendimento na sua corrente.

Rogério Carvalho, que é o atual presidente estadual do PT, não gostou de ter sido excluído das duas reuniões em que aconteceu o lançamento da candidatura de Silvio Santos a presidente. Avalia que como presidente da legenda não podia ter ficado de fora e, por isso, começou a trabalhar a sua candidatura.
Márcio, que trabalha pelo consenso, está disposto a concorrer a presidente do PT se um entendimento não acontecer. Hoje mesmo, ele já reúne a militância petista para fechar a chapa que encabeçará. Será a partir das 9h, em um prédio na Coroa do Meio.

O consenso está longe de acontecer na CNB, pois só haveria se Rogério abrisse para Márcio ou vice-versa. De nada adiantou o ex-presidente nacional do PT e ex-senador José Eduardo Dutra, que é da mesma corrente, ter vindo a Sergipe no final do mês passado para uma reunião com Silvio Santos, Márcio Macedo e Rogério Carvalho buscando um entendimento.

Ele conseguiu apenas que Silvio retirasse a sua candidatura em nome do consenso da CNB, mas a unidade dificilmente se concretizará. O PED 2013 caminha para uma disputa interna entre Rogério e Márcio, da mesma corrente, e Ana Lúcia, da Articulação de Esquerda.   

Tanto Rogério quanto Márcio Macedo estão conversando com lideranças petistas em busca de apoio e filiando novos militantes no partido. O presidente eleito é quem conduzirá os entendimentos políticos do PT nas eleições de 2014.
É ai que está o X da questão...

Novo embate 1
Também não deverá haver consenso dentro da corrente Construindo um Novo Brasil para eleição para presidente do Diretório Municipal do PT em Aracaju. O presidente Usiel Rios já teve seu nome lançado para a reeleição pela militância vinculada ao deputado federal Márcio Macedo, o ex-presidente nacional do PT José Eduardo Dutra e o ex-presidente estadual Silvio Santos.

Novo embate 2
Já o deputado federal Rogério Carvalho, também da CNB, deverá lançar a ex-vereadora Rosangela Santana a presidente do Diretório Municipal. A corrente Articulação de Esquerda deverá ter como candidato a presidente o vereador Iran Barbosa.

Outras datas
O prazo para inscrição da chapa para presidente dos Diretórios Municipais do PT vence no dia 12 de setembro. No dia 12 de outubro é o prazo para registro dos candidatos a presidente nacional do PT.

Seminário
Os ministros Gastão Vieira (Turismo) e Fernando Bezerra (Integração Nacional) participaram ontem, em Aracaju, do Seminário para o Desenvolvimento Regional do Nordeste, promovido pela Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado Federal, presidida pelo senador sergipano Antônio Carlos Valadares (PSB). O governador em exercício Jackson Barreto (PMDB) e o prefeito João Alves Filho (DEM) participaram do evento realizado pela manhã, em um hotel da orla.

Investimentos
O seminário foi marcado pela assinatura da licitação para estudos de viabilidade do Canal Xingó, a maior obra de infraestrutura hídrica de Sergipe. A obra, um investimento de R$ 2,2 bilhões, vai gerar 12 mil empregos diretos e beneficiar cerca de 70 mil pessoas na região do semiárido. Assim como assinatura de convênio para ampliação e modernização do Centro de Convenções de Sergipe, no valor de R$ 20 milhões.

Registro
Ao falar na solenidade da abertura do seminário, o ministro Gastão Vieira parabenizou o trabalho do governador Déda pelo desenvolvimento do Estado. Contou que o governador sempre bateu na porta do Ministério do Turismo e conseguiu fazer obras importantes como a ponte Gilberto Amado e a reforma do Aeroporto Santa Maria.

Ponte
Já Jackson Barreto afirmou que o sonho do governo Marcelo Déda é construir a ponte ligando Sergipe a Alagoas, interligando o Nordeste pelo litoral. "João Alves fez um pouquinho e nós faremos um pocão para a sua construção", disse Jackson, enfatizando que a ponte incentivará o turismo na região.

Oportunidade
O governador em exercício aproveitou a presença no seminário da presidente da Assembleia Legislativa, Angélica Guimarães (PSC), para falar da importância do apoio do Poder Legislativo para que sejam aprovados os projetos a favor do desenvolvimento do Estado. Na última quinta-feira Jackson foi a Assembleia levar para a presidente oito projetos do Executivo.

Reconhecimento
O prefeito João Alves, que junto com Jackson Barreto e o ministro Gastão Vieira assinaram convênio para reforma do Centro de Convenções, em sua explanação, elogiou os dois ministros por trazerem coisas boas para Sergipe. Ressaltou que Gastão era um velho amigo.

Reivindicação
João Alves, que essa semana esteve em Brasília visitando o Ministério do Turismo, pleiteia recursos para a construção de uma arena multiuso na Orlinha da Coroa do Meio. Assim como um camelódramo. No seminário, ele reforçou o pedido de recursos para esses projetos.

Telefonema
Durante o Seminário para o Desenvolvimento Regional do Nordeste, Jackson Barreto recebeu um telefonema do governador Déda que o deixou muito satisfeito. Os dois devem se encontrar hoje, uma vez que na próxima segunda-feira Déda retorna a São Paulo para continuar as sessões de quimioterapia.

Compromissos
Após o evento, os ministros foram almoçar no Palácio de Veraneio. Entre os presentes, os senadores Valadares (PSB) e João Capiberibe (PSB/AP), os deputados federais Valadares Filho (PSB) e Fábio Reis (PMDB), o prefeito João Alves, os secretários de Turismo Elber Batalha (Estado) e Walker Carvalho (Município) e o anfitrião Jackson Barreto.

Saúde
Repercutiu muito ontem a entrevista coletiva da secretária da Saúde, Joélia Silva. Principalmente porque ela denunciou a suspeita de que médicos estão receitando remédios para serem pegos no Case para utilização em seus consultórios. Falou que isso está sendo investigado.

Veja essa...
Da secretária da Saúde, Joélia Silva, sobre as críticas da oposição por não ter sido iniciada ainda a construção do Hospital do Câncer, quando já tem recursos em caixa: "A construção de um hospital para oncologia não é como um balcão que só coloca as mercadorias e já está pronto. A construção de um hospital já não é dessa forma, imagine um hospital especializado de complexidade que a oncologia requer. São só seis meses para avaliação na comissão de energia nuclear e pela Anvisa".

... e essa ...
De Joélia sobre as dívidas junto às secretarias municipais de Saúde, em torno de R$ 40 milhões, e as dívidas das Fundações de Saúde, em torno de R$ 100 milhões: "Quem não deve? Quem nunca comprou no cartão de crédito? Só não deve quem não tem crédito".

Curtas
O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), acabou não vindo ontem a Sergipe para participar do Seminário para o Desenvolvimento Regional do Nordeste.

O ex-governador Albano Franco e o deputado federal Márcio Macedo sentaram lado a lado no seminário.

Após almoço no Palácio de Veraneio, os ministros Fernando Bezerra e Gastão Vieira retornaram a Brasília. E o governador em exercício Jackson Barreto foi a Japaratuba e Nossa Senhora do Socorro inaugurar obras.
Gastão Vieira declarou que 50% do turismo interno é no Nordeste e que, portanto, a região é estratégica para o Governo Federal.

O Governo do Estado vai construir uma ponte sobre o rio Cobiça, em Boquim. A obra está orçada em R$ 558.478,42.

Já está sendo constituída uma Comissão Especial de Coordenação de Concurso Público para preenchimento de cargos das carreiras de atividades periciais, no quadro de pessoal da Segurança Pública.