Ações políticas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 12/07/2013 às 11:59:00

O governador em exercício Jackson Barreto (PMDB), que está no comando do Estado desde 27 de maio quando o governador Marcelo Déda (PT) se licenciou para tratamento de saúde, tirou esta semana para se inteirar profundamente da situação do Estado na área da saúde, educação, finanças e obras.

Com relação à saúde, Jackson se reuniu anteontem com a secretária da pasta Joélia Silva e a superintendente do Huse Madeleine Ramos. Fez um diagnóstico e análise do quadro, com foco para a situação dos hospitais na capital e interior e os que estão em obras não concluídas.
Diante da análise não muito positiva Jackson mandou suspender a licitação para fretamento de um helicóptero para prestar serviço ao Samu, feita pela Fundação Hospitalar de Saúde. Disse que é preciso priorizar as ações na saúde com a situação financeira do Estado e a aquisição de um helicóptero não é uma delas.
"É preciso custeio. A saúde precisa de recursos para melhorar o atendimento e a questão não é só médico, mas medicamentos. A análise é que precisamos de recursos necessários para melhorar a situação e, com o que tem, priorizar ações importantes ouvindo as categorias", avalia.
Jackson também se reuniu na terça-feira com o secretário interino da Fazenda, Oliveira Júnior, o adjunto e a superintendente da pasta. Foi feita uma análise profunda da situação financeira do Estado, despesas e receitas, e a projeção do que poderá acontecer de receita e despesa.

Segundo o governador em exercício, a preocupação é com o calendário de pagamento dos servidores da rede pública estadual, os compromissos do Estado e o fluxo de caixa.
Ele também se reuniu com o secretário de Obras, Valmor Barbosa, para analisar as obras em andamento e como iniciar as obras do Proinveste, já aprovadas e publicadas no Diário Oficial da União. Foi feita uma projeção de investimentos.

Ontem Jackson se reuniu com a secretária de Desenvolvimento Urbano, Lúcia Falcon, para ver o andamento dos projetos, licitações e o atraso de algumas obras.
Para o governador em exercício, esta foi uma semana para se inteirar da real situação do Estado, tendo um diagnóstico mais profundo, poder assumir compromissos e dar uma resposta a população.
A partir deste conhecimento, Jackson declarou à coluna que tomará decisões políticas já para a reabertura do segundo semestre legislativo da Assembleia no início de agosto.

Em análise
O governador em exercício Jackson Barreto (PMDB) disse ontem à coluna que precisa fazer alterações na estrutura administrativa do governo para torná-lo mais dinâmico e harmonioso. Revelou que está analisando área por área e os compromissos com aliados. "Vou seguir as orientações que mantém esse projeto", garante.

Correndo atrás
Jackson admite que vem conversando isoladamente com deputados estaduais visando conseguir maioria na Assembleia Legislativa. "As coisas estão avançando. Acho que até agosto teremos maioria", acredita.
Contribuição 1
"Precisamos governar. Quero colaborar para termos maioria na Assembleia. O governador tem de governar com maioria. Quero dar essa contribuição ao governador Déda, que passa por esse problema de saúde. Quando ele retornar terá tranquilidade política para governar sem o estresse de não ter maioria no Legislativo", afirma JB.

Contribuição 2
Na concepção do governador em exercício, o estresse da Assembleia Legislativa é que faz as pessoas adoecer por ser minoria. "Tem de fazer o milagre da multiplicação do pão. Vou contribuir para conseguirmos a maioria, diminuindo mais da metade dos problemas. Arrumarei a base para trabalharmos com tranquilidade", frisou.

Visitas 1

Informa Jackson Barreto que na próxima semana pretende visitar o governador Marcelo Déda (PT), no Sírio Libanês. Quem visitou ontem Déda foi o deputado federal Márcio Macedo (PT), que disse que ficou feliz ao encontrá-lo, "disposto, caminhando e com excelente recuperação".

Visitas 2
Segundo Márcio, ele não tratou de questões políticas nem administrativas com Déda. Garante que a visita foi de caráter pessoal, como amigo. Tanto é que o presenteou com a nova camisa do Flamengo, falou sobre o time, desafios do técnico Mano Meneses e da vitória do Brasil sobre a Espanha.

Expectativa
O governador Déda está para sair da semi-UTI e ir para o apartamento no Sírio-Libanês. No dia que gravou mensagem para os sergipanos, que foi na véspera da sua cirurgia para retirada do baço, realizada dia 29 de junho, ele disse do otimismo com a operação, com a sua recuperação e que deveria ter alta hospitalar em 30 dias. Torcemos por isso.

Posse
O candidato a prefeito de São Francisco derrotado nas urnas em 2012, Ailton Nascimento (PDT), assume hoje a Prefeitura Municipal em substituição ao prefeito Manoel Vieira (PR), que por decisão judicial perdeu o cargo por compra de votos. A posse de Ailton acontecerá às 9h, na Câmara Municipal de São Francisco.

Quadro político

A saída de Manoel Vieira do comando da Prefeitura de São Francisco representa uma baixa política para as pretensões do senador Eduardo Amorim (PSC) em 2014 e uma conquista para Jackson Barreto. É que o prefeito que saiu é do bloco dos irmãos Amorim e o que está assumindo o mandato é vinculado a JB e teve o PMDB na sua coligação.

Temor
Por receio de depredação ao patrimônio público e ação de vândalos na greve geral nacional, o prefeito João Alves Filho (DEM) determinou ontem o fechamento do Centro Administrativo. Outros órgãos municipais também fecharam as portas, com a decretação do ponto facultativo.

Pacífica
A greve geral de ontem organizada pelas centrais sindicais foi pacífica em Sergipe, havendo fechamento de bancos oficiais, postos de saúde e do comércio na hora da manifestação iniciada na Praça Fausto. Escolas da rede pública estadual e municipal não tiveram aulas. Segundo avaliação da Polícia Militar, cerca de duas mil pessoas participaram da passeata ontem à tarde.   

Bloqueio 1
Os protestos que mobilizaram centrais sindicais e movimentos sociais por todo o país afetaram ontem pelo menos 44 rodovias em 17 Estados: Sergipe, Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Bloqueio 2
Em Sergipe teve bloqueio na BR-101, no km 47, em Japaratuba. Durante a manhã houve interdições em outros pontos da mesma rodovia: em Itaporanga D´Ajuda, Carmópolis, Cristinápolis, Japoatã e Malhada dos Bois. Até as 11h30 havia bloqueio também na Linha Verde, que liga o Sergipe à Bahia, na altura de Indiaroba. Teve bloqueio ainda na ponte Aracaju/Barra dos Coqueiros.

Em Sergipe 1
O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, e o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, visitarão hoje a Barragem do Xingó, em Canindé do São Francisco. Serão recepcionados pelo governador em exercício Jackson Barreto, que os conduzirão ao Perímetro Irrigado Jacaré-Curituba, que é abastecido pelo reservatório da Barragem e permite o plantio de milho, quiabo, feijão, raízes e frutas.

Em Sergipe 2
Também acompanharão o ministro e o presidente da Codevasf na visita ao Jacaré-Curituba, o prefeito Heleno Silva (PRB/Canindé), o senador Antônio Carlos Valadares (PSB), o presidente da Cohidro Mardoqueu Bodano, o presidente da Emdagro Bernardo Lima e o superintendente da Codevasf, Paulo Viana. A visita começará às 10h30, em Canindé.

Veja essa...
A manifestação de ontem foi dividida em vários blocos, cada um com um trio elétrico ou carro de som diferente. Tudo para garantir a identificação das centrais sindicais e também dos sindicatos. Um dos grupos mais animados era o do Levante Popular da Juventude.

Curtas
O deputado federal Rogério Carvalho (PT), em nome da Comissão Especial de Financiamento da Saúde (CESAUDE), da qual é o relator, convidou o governo do Chile para participar dos debates dessa comissão na Câmara dos Deputados.

O deputado federal André Moura (PSC) apresentou na Câmara destaque que beneficia os agricultores de todo o Brasil sobre a Medida Provisória 610/13. Propôs a Emenda 23, de sua autoria, que diz que os adimplentes também serão beneficiados com os descontos propostos na MP.

Os senadores Eduardo Amorim (PSC) e Maria do Carmo (DEM) manifestaram pesar pela morte do ex-prefeito de Campo do Brito, Manoel Souza, conhecido como "Maim", ocorrida na manhã de ontem.

Em pronunciamento na Câmara, o deputado Valadares Filho (PSB) disse que aprovação do Estatuto da Juventude representa um futuro melhor para maioria dos jovens brasileiros. Mas é preciso que seja implantado com urgência.

A vereadora Emília Correa (DEM) denuncia a falta de banheiros infantis em diversos estabelecimentos comerciais da capital. De acordo com a Lei municipal nº 2754, de 2 de Dezembro de 1999, todos os estabelecimentos são obrigados a disponibilizar sanitários para o público infantil.