Governo do Estado inicia processo de erradicação dos lixões em Sergipe

Política

 

Nesta quarta-feira(30), o governador Belivaldo Chagas deu um grande passo para erradicar os lixões em Sergipe, ao entregar aos representantes dos Consórcios de Resíduos Sólidos do Baixo São Francisco (CONBASF), do Sul e Centro Sul Sergipano (CONSCENSUL), os Projetos Básicos e Executivos dos Aterros Sanitários. Através desses projetos, o governo do Estado busca colaborar com os municípios na extinção dos lixões, conforme requisita a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS/12.305/).
O ato de entrega ocorreu no Palácio dos Despachos, e contou com a participação do presidente da Adema, Gilvan Dias; secretário da Sedurbs, Ubirajara Barreto; superintende de Recursos Hídricos da Sedurbs, Ailton Rocha; o secretário- Geral de Governo, José Carlos Felizola; representantes do Prodetur, da Agrese, o prefeito de Estância, Gilson Andrade; prefeito de Canidndé do São Francisco, Weldo  Mariano de Souza; representantando o Consorcio do Baixo São Francisco, o superintende Mário Albuquerque; o superintendente do Consórcio Sul-Centro Sul, Edvaldo Ribeiro;além do representante da empresa TPF, Adnoai Porto. 
Para o governador Belivaldo Chagas os projetos são instrumentos para acabar com todos os lixões a céu aberto, solucionando e agregando a gestão eficiente dos resíduos sólidos em Sergipe. 
 "Essa é a resposta que a gente quer dar à sociedade sergipana, do nosso compromisso com a questão voltada ao meio-ambiente. Ás vezes é preciso enfrentar desafios e inovar. Portanto, estamos dando o pontapé inicial para o fim dos lixões. Tivemos a oportunidade, via Prodetur,  de preparar esses projetos, com as devidas licenças ambientais, aos municípios sergipanos.  O que importa é que a gente pode apresentar à sociedade, um projeto para resolver esse problema que está incomodando muito os sergipanos. Eu tenho certeza que a gestão organizada e moderna dos resíduos sólidos é o melhor caminho quando falamos em ecologia e sustentabilidade, e fiquei muito feliz em ver entusiasmo dos prefeitos e representantes das prefeituras ao receber os projetos", disse o governador Belivaldo Chagas. 
O governo do estado tem interesse de sanar os problemas ambientais relacionados à disposição irregular dos resíduos urbanos. Desta maneira, por meio da Secretaria de Estado do Turismo (SETUR) e do Programa de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur/SE), através do Contrato 007/2016 junto ao Consórcio TPF/Quanta, elaborou os Projetos Básicos e Executivos dos Aterros Sanitários, previamente licenciados através do órgão competente. 
"Hoje é um dia simbólico para o estado de Sergipe, porque temos a oportunidade de fazer a entrega desses projetos para que os municípios transformem os seus lixões e passem a utilizar desses aterros sanitários. É algo que é extremamente importante, o governo do Estado caminha a passos largos nesse sentido de buscar, no médio e longo prazo, terminar com esses lixões e transformar nesses aterros sanitários. Projetos que foram realizados pelo Prodetur, num investimento de R$ 1,5 milhão, que o Governo do Estado faz para entregar aos municípios que são contemplados pelos Consórcios do Vale do São Francisco e da região Sul", explicou o secretário de Estado do Turismo e da Comunicação, Sales Neto.

Nesta quarta-feira(30), o governador Belivaldo Chagas deu um grande passo para erradicar os lixões em Sergipe, ao entregar aos representantes dos Consórcios de Resíduos Sólidos do Baixo São Francisco (CONBASF), do Sul e Centro Sul Sergipano (CONSCENSUL), os Projetos Básicos e Executivos dos Aterros Sanitários. Através desses projetos, o governo do Estado busca colaborar com os municípios na extinção dos lixões, conforme requisita a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS/12.305/).
O ato de entrega ocorreu no Palácio dos Despachos, e contou com a participação do presidente da Adema, Gilvan Dias; secretário da Sedurbs, Ubirajara Barreto; superintende de Recursos Hídricos da Sedurbs, Ailton Rocha; o secretário- Geral de Governo, José Carlos Felizola; representantes do Prodetur, da Agrese, o prefeito de Estância, Gilson Andrade; prefeito de Canidndé do São Francisco, Weldo  Mariano de Souza; representantando o Consorcio do Baixo São Francisco, o superintende Mário Albuquerque; o superintendente do Consórcio Sul-Centro Sul, Edvaldo Ribeiro;além do representante da empresa TPF, Adnoai Porto. 
Para o governador Belivaldo Chagas os projetos são instrumentos para acabar com todos os lixões a céu aberto, solucionando e agregando a gestão eficiente dos resíduos sólidos em Sergipe. 
 "Essa é a resposta que a gente quer dar à sociedade sergipana, do nosso compromisso com a questão voltada ao meio-ambiente. Ás vezes é preciso enfrentar desafios e inovar. Portanto, estamos dando o pontapé inicial para o fim dos lixões. Tivemos a oportunidade, via Prodetur,  de preparar esses projetos, com as devidas licenças ambientais, aos municípios sergipanos.  O que importa é que a gente pode apresentar à sociedade, um projeto para resolver esse problema que está incomodando muito os sergipanos. Eu tenho certeza que a gestão organizada e moderna dos resíduos sólidos é o melhor caminho quando falamos em ecologia e sustentabilidade, e fiquei muito feliz em ver entusiasmo dos prefeitos e representantes das prefeituras ao receber os projetos", disse o governador Belivaldo Chagas. 
O governo do estado tem interesse de sanar os problemas ambientais relacionados à disposição irregular dos resíduos urbanos. Desta maneira, por meio da Secretaria de Estado do Turismo (SETUR) e do Programa de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur/SE), através do Contrato 007/2016 junto ao Consórcio TPF/Quanta, elaborou os Projetos Básicos e Executivos dos Aterros Sanitários, previamente licenciados através do órgão competente. 
"Hoje é um dia simbólico para o estado de Sergipe, porque temos a oportunidade de fazer a entrega desses projetos para que os municípios transformem os seus lixões e passem a utilizar desses aterros sanitários. É algo que é extremamente importante, o governo do Estado caminha a passos largos nesse sentido de buscar, no médio e longo prazo, terminar com esses lixões e transformar nesses aterros sanitários. Projetos que foram realizados pelo Prodetur, num investimento de R$ 1,5 milhão, que o Governo do Estado faz para entregar aos municípios que são contemplados pelos Consórcios do Vale do São Francisco e da região Sul", explicou o secretário de Estado do Turismo e da Comunicação, Sales Neto.


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS