Winnie brinda o público com pocket show gratuito

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 25/09/2019 às 22:06:00

 

Esta semana, toda a família tem um encontro marcado com a sergipana que conquistou o Brasil com a sua voz marcante e ritmo envolvente. Dando continuidade à programação especial em homenagem à primavera, o Shopping Jardins agracia crianças, jovens e adultos com o show intimista da cantora Winnie. Hoje, às 19 horas, a jovem artista sobe ao palco da Praça de Alimentação Jardins. O acesso é gratuito.
Acompanhada por violão e percuteria, Winnie promete emocionar o plateia com interpretações singulares de sucessos do pop rock nacional e internacional. Oportunidade única para o público de todas as idades curtir a boa música ao vivo desta artista ímpar.
Caçula de uma família de músicos, Winnie iniciou as primeiras incursões pelo canto aos 5 anos de idade, influenciada pelo pai, o maestro Carlos Magno. Na infância, participou de corais e iniciou a sua trajetória profissional em festivais estudantis de música cover. Na juventude, deu uma pausa na carreira artística, mas após se formar em Relações Internacionais, retomou o seu grande sonho.
Montou uma banda com seus irmãos Franklin e Magno, a WFM, e começou a compartilhar a sua arte com o público em casamentos, festas e shows na noite aracajuana. 

Esta semana, toda a família tem um encontro marcado com a sergipana que conquistou o Brasil com a sua voz marcante e ritmo envolvente. Dando continuidade à programação especial em homenagem à primavera, o Shopping Jardins agracia crianças, jovens e adultos com o show intimista da cantora Winnie. Hoje, às 19 horas, a jovem artista sobe ao palco da Praça de Alimentação Jardins. O acesso é gratuito.
Acompanhada por violão e percuteria, Winnie promete emocionar o plateia com interpretações singulares de sucessos do pop rock nacional e internacional. Oportunidade única para o público de todas as idades curtir a boa música ao vivo desta artista ímpar.
Caçula de uma família de músicos, Winnie iniciou as primeiras incursões pelo canto aos 5 anos de idade, influenciada pelo pai, o maestro Carlos Magno. Na infância, participou de corais e iniciou a sua trajetória profissional em festivais estudantis de música cover. Na juventude, deu uma pausa na carreira artística, mas após se formar em Relações Internacionais, retomou o seu grande sonho.
Montou uma banda com seus irmãos Franklin e Magno, a WFM, e começou a compartilhar a sua arte com o público em casamentos, festas e shows na noite aracajuana.