Circuito Brasileiro Open começa em Vila Velha (ES)

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 25/09/2019 às 21:57:00

 

As últimas oito vagas disponíveis na chave principal, do torneio feminino da etapa de Vila Velha (ES), do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 19/20 foram preenchidas nesta quarta-feira (25), após duelos pelo classificatório. Estavam na disputa 31 times, que disputaram 23 partidas eliminatórias na arena montada na Praia da Costa.
"O qualificatório é sempre nervoso, mesmo para mim. Eu, que jogo há tantos anos, fico nervosa em uma partida deste tipo, que vale a vaga para a chave principal. A gente fica naquela ansiedade de passar, e acaba que o outro lado, meninas que são mais jovens, jogam com menos responsabilidade, mais soltas", comentou Naiana. 
As oito duplas classificadas nesta quarta se juntam aos 16 times que já estavam garantidos pelo ranking de entradas. São eles Ágatha/Duda (PR/SE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Taiana/Talita (CE/AL), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Tainá/Victoria (SE/MS), Carol Horta/Ângela (CE/DF), Josi/Juliana (SC/CE), Andrezza/Neide (AM/AL), Vivian/Vitoria (PA/RJ), Andressa/Diana (PB/RJ), Érica Freitas/Val (MG/RJ), Aline/Juliana Simões (SC/PR), Rafaela/Índia (PA), Izabel/Thati (PA/PB), Verena/Hegê (CE) e Thamela/Ingridh (ES/PR).
Nesta quinta-feira (26), além do início da fase de grupos pelo torneio feminino, ocorre a disputa do classificatório ao torneio masculino, em partidas das 8h às 17h. Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

As últimas oito vagas disponíveis na chave principal, do torneio feminino da etapa de Vila Velha (ES), do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 19/20 foram preenchidas nesta quarta-feira (25), após duelos pelo classificatório. Estavam na disputa 31 times, que disputaram 23 partidas eliminatórias na arena montada na Praia da Costa.
"O qualificatório é sempre nervoso, mesmo para mim. Eu, que jogo há tantos anos, fico nervosa em uma partida deste tipo, que vale a vaga para a chave principal. A gente fica naquela ansiedade de passar, e acaba que o outro lado, meninas que são mais jovens, jogam com menos responsabilidade, mais soltas", comentou Naiana. 
As oito duplas classificadas nesta quarta se juntam aos 16 times que já estavam garantidos pelo ranking de entradas. São eles Ágatha/Duda (PR/SE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Taiana/Talita (CE/AL), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Tainá/Victoria (SE/MS), Carol Horta/Ângela (CE/DF), Josi/Juliana (SC/CE), Andrezza/Neide (AM/AL), Vivian/Vitoria (PA/RJ), Andressa/Diana (PB/RJ), Érica Freitas/Val (MG/RJ), Aline/Juliana Simões (SC/PR), Rafaela/Índia (PA), Izabel/Thati (PA/PB), Verena/Hegê (CE) e Thamela/Ingridh (ES/PR).
Nesta quinta-feira (26), além do início da fase de grupos pelo torneio feminino, ocorre a disputa do classificatório ao torneio masculino, em partidas das 8h às 17h. Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.