Hilda Ribeiro inaugura CER III de Lagarto acompanhada de uma multidão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O Centro preSTará atendimento a pessoas com deficiência auditiva, física, intelectual e/ou visual
O Centro preSTará atendimento a pessoas com deficiência auditiva, física, intelectual e/ou visual

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 24/09/2019 às 23:28:00

 

O Centro Especializado 
em Reabilitação (CER 
III) "Maria Rocha Dias - Dona Maroca" foi inaugurado pela prefeita de Lagarto, Hilda Ribeiro, nesta segunda-feira. O Centro será uma grande referência tanto para Lagarto quanto para os municípios vizinhos em atendimento a pessoas com deficiência auditiva, física, intelectual e/ou visual.
A solenidade aconteceu na segunda-feira, e contou com a presença da prefeita Hilda Ribeiro, do deputado federal Gustinho Ribeiro, de secretários municipais, vereadores e diversas autoridades de dentro e de fora do município de Lagarto.
"É uma alegria imensa poder entregar uma obra que a população tanto esperava. Primeiro pela importância dela. Segundo porque desde 2013 o povo de Lagarto esperava que ela fosse concluída. Então conseguimos dar a obra prioridade para a conclusão", afirmou Hilda.
 "Iniciamos uma nova realidade na saúde pública de Lagarto. Me sinto feliz e honrada por estarmos aqui hoje para prestigiar mais um trabalho que contou com o empenho de todos nós. Precisamos reforçar a importância da inclusão social, precisamos viabilizar meios de reabilitar e habilitar pessoas com deficiência para que possam viver uma vida normal em sociedade. Precisamos de projetos e políticas públicas que levem mais saúde e dignidade para a vida de cada um deles", ressaltou.
A cerimônia de inauguração se iniciou com orações e bênçãos conduzidas pelo Padre Elessandro e logo em seguida contou com duas belíssimas apresentações que encantaram e emocionaram a todos. O Grupo TALT e Academia Sergipana de Ballet, que são compostos por bailarinos com e sem deficiências e que tem como foco primordial disseminar a arte como processo fomentador da autonomia, da alteridade e da diversidade, e o Projeto de Extensão Acadêmica "Território Feliz", que é composta por um grupo de palhaços que atua em diferentes ambientes no território de Lagarto, levando alegria e bem-estar por onde passam.
O CER III tem a finalidade de realizar diagnósticos e tratamentos, objetivando a rebilitação/habilitação de pessoas com deficiência. Possui uma equipe multidisciplinar composta por um ortopedista, um otorrinolaringologista, um neurologista, 4 fonoaudiólogos, 4 psicólogos, 4 terapeutas ocupacionais, 4 fisioterapeutas, 2 enfermeiras e 1 técnica de enfermagem.
Em sua estrutura física conta com 33 salas para atendimentos, salão para cinesioterapia e mecanoterapia, área de convivência interna, externa, playground, sala administração, copa e refeitório.
Os recursos para a obra são oriundos do Programa AVANÇAR, do Governo Federal. A construção do Centro foi habilitada em 2013, com proposta no valor de R$ 3.750.000,00, sendo R$ 1.500.000,00 de recurso recebido referente à aquisição de equipamentos e material permanente.
Apesar de ter sido autorizada a execução das obras em dezembro de 2013, o Centro permaneceu parado durante seis anos. Com a Prefeita Hilda Ribeiro, em março deste ano, foi dada a retomada das obras e hoje o que era sonho se tornou realidade.
A Prefeitura de Lagarto, através da Secretaria de Saúde, está investindo na promoção da qualidade de vida, assistência integral à saúde, prevenção, ampliação e fortalecimento dos mecanismos de informação, organização e funcionamento dos serviços de atenção à pessoa com deficiência.

O Centro Especializado  em Reabilitação (CER  III) "Maria Rocha Dias - Dona Maroca" foi inaugurado pela prefeita de Lagarto, Hilda Ribeiro, nesta segunda-feira. O Centro será uma grande referência tanto para Lagarto quanto para os municípios vizinhos em atendimento a pessoas com deficiência auditiva, física, intelectual e/ou visual.
A solenidade aconteceu na segunda-feira, e contou com a presença da prefeita Hilda Ribeiro, do deputado federal Gustinho Ribeiro, de secretários municipais, vereadores e diversas autoridades de dentro e de fora do município de Lagarto.
"É uma alegria imensa poder entregar uma obra que a população tanto esperava. Primeiro pela importância dela. Segundo porque desde 2013 o povo de Lagarto esperava que ela fosse concluída. Então conseguimos dar a obra prioridade para a conclusão", afirmou Hilda.
 "Iniciamos uma nova realidade na saúde pública de Lagarto. Me sinto feliz e honrada por estarmos aqui hoje para prestigiar mais um trabalho que contou com o empenho de todos nós. Precisamos reforçar a importância da inclusão social, precisamos viabilizar meios de reabilitar e habilitar pessoas com deficiência para que possam viver uma vida normal em sociedade. Precisamos de projetos e políticas públicas que levem mais saúde e dignidade para a vida de cada um deles", ressaltou.
A cerimônia de inauguração se iniciou com orações e bênçãos conduzidas pelo Padre Elessandro e logo em seguida contou com duas belíssimas apresentações que encantaram e emocionaram a todos. O Grupo TALT e Academia Sergipana de Ballet, que são compostos por bailarinos com e sem deficiências e que tem como foco primordial disseminar a arte como processo fomentador da autonomia, da alteridade e da diversidade, e o Projeto de Extensão Acadêmica "Território Feliz", que é composta por um grupo de palhaços que atua em diferentes ambientes no território de Lagarto, levando alegria e bem-estar por onde passam.
O CER III tem a finalidade de realizar diagnósticos e tratamentos, objetivando a rebilitação/habilitação de pessoas com deficiência. Possui uma equipe multidisciplinar composta por um ortopedista, um otorrinolaringologista, um neurologista, 4 fonoaudiólogos, 4 psicólogos, 4 terapeutas ocupacionais, 4 fisioterapeutas, 2 enfermeiras e 1 técnica de enfermagem.
Em sua estrutura física conta com 33 salas para atendimentos, salão para cinesioterapia e mecanoterapia, área de convivência interna, externa, playground, sala administração, copa e refeitório.
Os recursos para a obra são oriundos do Programa AVANÇAR, do Governo Federal. A construção do Centro foi habilitada em 2013, com proposta no valor de R$ 3.750.000,00, sendo R$ 1.500.000,00 de recurso recebido referente à aquisição de equipamentos e material permanente.
Apesar de ter sido autorizada a execução das obras em dezembro de 2013, o Centro permaneceu parado durante seis anos. Com a Prefeita Hilda Ribeiro, em março deste ano, foi dada a retomada das obras e hoje o que era sonho se tornou realidade.
A Prefeitura de Lagarto, através da Secretaria de Saúde, está investindo na promoção da qualidade de vida, assistência integral à saúde, prevenção, ampliação e fortalecimento dos mecanismos de informação, organização e funcionamento dos serviços de atenção à pessoa com deficiência.