Daniel Paulista deve continuar no Dragão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Treinador vai esperar o resultado das eleições no Dragão, para iniciar negociações com a diretoria proletária
Treinador vai esperar o resultado das eleições no Dragão, para iniciar negociações com a diretoria proletária

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 24/09/2019 às 22:19:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
O treinador Daniel 
Paulista não se de-
finiu ainda sobre o seu futuro. O técnico disse que tem interesse em continuar no Confiança, mas tudo vai depender dos acertos que serão feitos com a diretoria. O técnico espera a definição da eleição no time proletário, para sentar e conversar com o presidente Hyago França. Caso o presidente seja realmente reeleito, a possibilidade de Paulista continuar é bem maior.
- Já tivemos uma conversa preliminar com Daniel Paulista, mas não ficou nada definido ainda. Existe grande possiblidade de Daniel continuar. Muito embora saibamos que ele hoje é um técnico supervalorizado vamos sentar e negociar a permanência do treinador - garantiu Hyago França. 
O técnico Daniel Paulista fechou a temporada no Confiança com um final feliz, em meio aos dramas e glórias ao longo de 184 dias no comando técnico do Dragão. Após resistir a eliminação no Estadual e a oscilação no início da Série C, ele deu a volta por cima com a classificação à Copa do Nordeste e o acesso inédito à Série B.
Em 31 jogos no comando da equipe azulina, Daniel Paulista teve um aproveitamento de 45%. Com 11 vitórias, 9 empates e 11 derrotas, o Dragão conquistou 42 pontos dos 93 disputados em três competições: Sergipano, Copa do Nordeste e Campeonato Brasileiro da Série C.
Antes de retornar a Ribeirão Preto-SP, onde passará um período de férias ao lado da família a partir da próxima sexta-feira. Ele preferiu não antecipar se fica ou não para o próximo ano, relembrou os desafios dentro e fora de campo para dar a volta por cima nesta temporada, e projetou o Confiança em outro patamar a partir do acesso de divisão nacional.
- Vamos esperar na próxima quarta-feira às eleições do clube. A todo momento, fui muito bem recebido aqui em Aracaju, fui muito bem recepcionado pelo povo sergipano. Estou muito feliz aqui. O Confiança, através do seu presidente Hyago e o diretor Ernando, já demonstrou interesse na minha permanência no clube. Vamos esperar passar as eleições e com calma a gente vai sentar, até porque tem outras coisas também que precisam ser discutidas para o seguimento da minha carreira também. Mas, independentemente da decisão que venha a ser tomada, acho que a gente sai daqui com o dever cumprido, com a satisfação de ter colocado esse clube gigante do futebol sergipano entre as melhores equipes do país. Isso não tem preço - destacou o técnico.

O treinador Daniel  Paulista não se de- finiu ainda sobre o seu futuro. O técnico disse que tem interesse em continuar no Confiança, mas tudo vai depender dos acertos que serão feitos com a diretoria. O técnico espera a definição da eleição no time proletário, para sentar e conversar com o presidente Hyago França. Caso o presidente seja realmente reeleito, a possibilidade de Paulista continuar é bem maior.
- Já tivemos uma conversa preliminar com Daniel Paulista, mas não ficou nada definido ainda. Existe grande possiblidade de Daniel continuar. Muito embora saibamos que ele hoje é um técnico supervalorizado vamos sentar e negociar a permanência do treinador - garantiu Hyago França. 
O técnico Daniel Paulista fechou a temporada no Confiança com um final feliz, em meio aos dramas e glórias ao longo de 184 dias no comando técnico do Dragão. Após resistir a eliminação no Estadual e a oscilação no início da Série C, ele deu a volta por cima com a classificação à Copa do Nordeste e o acesso inédito à Série B.
Em 31 jogos no comando da equipe azulina, Daniel Paulista teve um aproveitamento de 45%. Com 11 vitórias, 9 empates e 11 derrotas, o Dragão conquistou 42 pontos dos 93 disputados em três competições: Sergipano, Copa do Nordeste e Campeonato Brasileiro da Série C.
Antes de retornar a Ribeirão Preto-SP, onde passará um período de férias ao lado da família a partir da próxima sexta-feira. Ele preferiu não antecipar se fica ou não para o próximo ano, relembrou os desafios dentro e fora de campo para dar a volta por cima nesta temporada, e projetou o Confiança em outro patamar a partir do acesso de divisão nacional.
- Vamos esperar na próxima quarta-feira às eleições do clube. A todo momento, fui muito bem recebido aqui em Aracaju, fui muito bem recepcionado pelo povo sergipano. Estou muito feliz aqui. O Confiança, através do seu presidente Hyago e o diretor Ernando, já demonstrou interesse na minha permanência no clube. Vamos esperar passar as eleições e com calma a gente vai sentar, até porque tem outras coisas também que precisam ser discutidas para o seguimento da minha carreira também. Mas, independentemente da decisão que venha a ser tomada, acho que a gente sai daqui com o dever cumprido, com a satisfação de ter colocado esse clube gigante do futebol sergipano entre as melhores equipes do país. Isso não tem preço - destacou o técnico.