Brasil encerra participação primeiros aparelhos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 18/09/2019 às 22:27:00

 

A Ginástica Rítmica do Brasil encerrou sua participação nos dois primeiros aparelhos, válidos pelo Campeonato Mundial da modalidade, que está sendo disputado em Baku (AZE). As brasileiras Natalia Gáudio e Barbara Domingos participaram do qualificatório do arco, na Arena Nacional de Ginástica (MGA). Assim como havia ocorrido na estreia, na prova da bola, Barbara voltou a ter uma ótima atuação. Em uma série com pouquíssimas falhas, ela alcançou a nota 18,450 e segue firme por um lugar na final do Individual Geral, que será na sexta (20).
Com a nota alcançada, Barbara terminou o dia na 29ª posição do geral, que a deixa na briga para alcançar uma das 24 vagas à final, além de tentar assegurar ainda em Baku uma das 16 vagas em jogo neste Mundial para a Olimpíada de Tóquio-2020. Já Natalia Gáudio não conseguiu repetir a boa performance da estreia. Cometeu um erro logo no início da série, que lhe custou uma penalização de 0,30. Recebeu a nota 15,900 e terminou o dia na 48ª colocação geral.
Nesta quarta-feira, as duas brasileiras competiram em Baku, na prova de qualificação da fita. A primeira a se apresentar foi Barbara Domingos, enquanto Natalia Gáudio entrará na quadra posteriormente.
A definição das 24 ginastas para o Individual Geral do Mundial de Baku será feita com a soma das três melhores notas entre os quatro aparelhos, descartando o pior resultado. Até hoje, a melhor colocação de uma ginasta brasileira no Individual em Mundiais de Ginástica Rítmica foi um 33º lugar de Angélica Kvieczynski no Mundial de 2013, disputado em Kiev (UCR).

A Ginástica Rítmica do Brasil encerrou sua participação nos dois primeiros aparelhos, válidos pelo Campeonato Mundial da modalidade, que está sendo disputado em Baku (AZE). As brasileiras Natalia Gáudio e Barbara Domingos participaram do qualificatório do arco, na Arena Nacional de Ginástica (MGA). Assim como havia ocorrido na estreia, na prova da bola, Barbara voltou a ter uma ótima atuação. Em uma série com pouquíssimas falhas, ela alcançou a nota 18,450 e segue firme por um lugar na final do Individual Geral, que será na sexta (20).
Com a nota alcançada, Barbara terminou o dia na 29ª posição do geral, que a deixa na briga para alcançar uma das 24 vagas à final, além de tentar assegurar ainda em Baku uma das 16 vagas em jogo neste Mundial para a Olimpíada de Tóquio-2020. Já Natalia Gáudio não conseguiu repetir a boa performance da estreia. Cometeu um erro logo no início da série, que lhe custou uma penalização de 0,30. Recebeu a nota 15,900 e terminou o dia na 48ª colocação geral.
Nesta quarta-feira, as duas brasileiras competiram em Baku, na prova de qualificação da fita. A primeira a se apresentar foi Barbara Domingos, enquanto Natalia Gáudio entrará na quadra posteriormente.
A definição das 24 ginastas para o Individual Geral do Mundial de Baku será feita com a soma das três melhores notas entre os quatro aparelhos, descartando o pior resultado. Até hoje, a melhor colocação de uma ginasta brasileira no Individual em Mundiais de Ginástica Rítmica foi um 33º lugar de Angélica Kvieczynski no Mundial de 2013, disputado em Kiev (UCR).