Merendeiras ajudam a introduzir hábitos saudáveis na alimentação dos alunos de Sergipe

Cidades

 

Escolas de Rosário do Catete e Capela, em Sergipe, estão participando de uma série de iniciativas educativas nas áreas de educação alimentar e nutricional. Com o intuito de estimular boas práticas na manipulação da comida e diminuição de desperdício, cerca de 100 merendeiras e diretores de instituições desses dois municípios receberam capacitação pela Mosaic Fertilizantes.
Carla Regina Oliveira, participante da iniciativa pela Creche Rei Davi, já aplica os conhecimentos adquiridos no dia a dia. "A goiaba, por exemplo, é um alimento muito versátil e que pode ser usado de diversas maneiras. É possível fazer suco, geleia e até um bolo com a casca. O desperdício é quase zero", diz.
Apesar das receitas aprendidas, ela ainda personaliza o cardápio para que as crianças se adaptem melhor aos novos alimentos. "Eu estou no dia a dia delas, então sei o que cada uma prefere e o que é mais difícil para elas comerem. Elas não gostam muito de mamão, então nós fazemos uma salada de fruta para elas se acostumarem. Por outro lado, todas amam quando eu faço carne moída com legumes, frango com batatinha, purê de abóbora. Elas vão para casa e falam sobre as comidas 'que a Carla fez' para a família", afirma orgulhosa.
A iniciativa faz parte do programa de alimentação saudável, realizado pela Mosaic Fertilizantes com parceria técnica do Instituto Movere, aplicado em escolas da rede pública de Rosário do Catete e Capela (SE) . O projeto contempla diagnóstico e acompanhamento dos indicadores de saúde de 8.164 alunos da rede pública escolar de ambos municípios, formando assim um banco de dados de saúde desse público.

Escolas de Rosário do Catete e Capela, em Sergipe, estão participando de uma série de iniciativas educativas nas áreas de educação alimentar e nutricional. Com o intuito de estimular boas práticas na manipulação da comida e diminuição de desperdício, cerca de 100 merendeiras e diretores de instituições desses dois municípios receberam capacitação pela Mosaic Fertilizantes.
Carla Regina Oliveira, participante da iniciativa pela Creche Rei Davi, já aplica os conhecimentos adquiridos no dia a dia. "A goiaba, por exemplo, é um alimento muito versátil e que pode ser usado de diversas maneiras. É possível fazer suco, geleia e até um bolo com a casca. O desperdício é quase zero", diz.
Apesar das receitas aprendidas, ela ainda personaliza o cardápio para que as crianças se adaptem melhor aos novos alimentos. "Eu estou no dia a dia delas, então sei o que cada uma prefere e o que é mais difícil para elas comerem. Elas não gostam muito de mamão, então nós fazemos uma salada de fruta para elas se acostumarem. Por outro lado, todas amam quando eu faço carne moída com legumes, frango com batatinha, purê de abóbora. Elas vão para casa e falam sobre as comidas 'que a Carla fez' para a família", afirma orgulhosa.
A iniciativa faz parte do programa de alimentação saudável, realizado pela Mosaic Fertilizantes com parceria técnica do Instituto Movere, aplicado em escolas da rede pública de Rosário do Catete e Capela (SE) . O projeto contempla diagnóstico e acompanhamento dos indicadores de saúde de 8.164 alunos da rede pública escolar de ambos municípios, formando assim um banco de dados de saúde desse público.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS