Homem cai em lago e morre afogado na Orla

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 10/09/2019 às 08:08:00

 

O artesão Ailton Alves Santos, 53 anos, morreu afogado depois de cair em um dos lagos da Orla de Atalaia, no final da tarde deste domingo. O acidente aconteceu no momento em que ele caminhava pelo local. Segundo informações de parentes, ele estaria embriagado ao passar pelo lago, se desequilibrou, caiu na água e não conseguiu voltar. A princípio, algumas pessoas pensaram que o homem teria pulado para nadar, mas ao perceberem que ele estava se afogando, pediram por ajuda. 
Um irmão de Ailton correu para o lago e também pulou para tentar salvá-lo, mas também se afogou. Os dois acabaram resgatados pelos soldados do Corpo de Bombeiros e socorridos por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O estado mais grave era o de Ailton, que sofreu paradas cardíacas e não reagiu às tentativas de reanimação dos paramédicos. A morte dele foi constatada no local ao começo da noite. Já o irmão foi estabilizado e foi levado em estado grave para o Hospital Municipal Fernando Franco, no conjunto Augusto Franco (zona sul).
Os Bombeiros informam que a área dos lagos ornamentais da Orla da Atalaia, situadas próximo ao Oceanário e à Praça de Eventos, são consideradas impróprias para o banho, por causa de fatores como a qualidade da água (que pode ter sinais de contaminação), a profundidade dos lagos e a presença de peixes e outros animais de grande porte. Recentemente, dois filhotes de jacarés foram encontrados nos lagos e passaram dias mergulhados as águas, até serem resgatados por técnicos da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema). 

O artesão Ailton Alves Santos, 53 anos, morreu afogado depois de cair em um dos lagos da Orla de Atalaia, no final da tarde deste domingo. O acidente aconteceu no momento em que ele caminhava pelo local. Segundo informações de parentes, ele estaria embriagado ao passar pelo lago, se desequilibrou, caiu na água e não conseguiu voltar. A princípio, algumas pessoas pensaram que o homem teria pulado para nadar, mas ao perceberem que ele estava se afogando, pediram por ajuda. 
Um irmão de Ailton correu para o lago e também pulou para tentar salvá-lo, mas também se afogou. Os dois acabaram resgatados pelos soldados do Corpo de Bombeiros e socorridos por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O estado mais grave era o de Ailton, que sofreu paradas cardíacas e não reagiu às tentativas de reanimação dos paramédicos. A morte dele foi constatada no local ao começo da noite. Já o irmão foi estabilizado e foi levado em estado grave para o Hospital Municipal Fernando Franco, no conjunto Augusto Franco (zona sul).
Os Bombeiros informam que a área dos lagos ornamentais da Orla da Atalaia, situadas próximo ao Oceanário e à Praça de Eventos, são consideradas impróprias para o banho, por causa de fatores como a qualidade da água (que pode ter sinais de contaminação), a profundidade dos lagos e a presença de peixes e outros animais de grande porte. Recentemente, dois filhotes de jacarés foram encontrados nos lagos e passaram dias mergulhados as águas, até serem resgatados por técnicos da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema).