Caminhão baú atinge rede elétrica e de telefonia

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O acidente provocou o isolamento da via
O acidente provocou o isolamento da via

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/09/2019 às 21:57:00

 

Por mais de três horas o trânsito nas proximidades da Praça da Bandeira, Centro de Aracaju, ficou lento na manhã de ontem após um caminhão ter colidido com fios de telefonia e internet. O acidente foi registrado no cruzamento entre a avenida Barão de Maruim e a rua Zaqueu Brandão, no bairro Suissa. Diante do acúmulo de fios baixos, e, outros, rompidos pela pista, agentes da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), bloquearam a via por mais de duas horas. Cerca de dez casas e cinco pontos comerciais também ficaram sem o fornecimento de energia. O sinistro ocorreu por volta das 6h.
Sobre a queda de energia, o Grupo Energisa - responsável pelo serviço no Estado de Sergipe - informou que o caminhão possuía altura superior ao apropriado para circulação na região. Com o impacto, houve curso circuito é um trecho da região ficou com o serviço indisponível até que a equipe plantonista reparasse a rede. Quanto ao bloqueio para fluxo, inclusive de transeuntes, a Energisa ressaltou que: "em situações desta natureza alertamos para que as pessoas não se aproximem dos cabos porque estes podem estar eletrizados. Mesmo em um momento de atuação da empresa, pode ocorrer algum tipo de situação que gere um acidente mais grave."

Por mais de três horas o trânsito nas proximidades da Praça da Bandeira, Centro de Aracaju, ficou lento na manhã de ontem após um caminhão ter colidido com fios de telefonia e internet. O acidente foi registrado no cruzamento entre a avenida Barão de Maruim e a rua Zaqueu Brandão, no bairro Suissa. Diante do acúmulo de fios baixos, e, outros, rompidos pela pista, agentes da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), bloquearam a via por mais de duas horas. Cerca de dez casas e cinco pontos comerciais também ficaram sem o fornecimento de energia. O sinistro ocorreu por volta das 6h.
Sobre a queda de energia, o Grupo Energisa - responsável pelo serviço no Estado de Sergipe - informou que o caminhão possuía altura superior ao apropriado para circulação na região. Com o impacto, houve curso circuito é um trecho da região ficou com o serviço indisponível até que a equipe plantonista reparasse a rede. Quanto ao bloqueio para fluxo, inclusive de transeuntes, a Energisa ressaltou que: "em situações desta natureza alertamos para que as pessoas não se aproximem dos cabos porque estes podem estar eletrizados. Mesmo em um momento de atuação da empresa, pode ocorrer algum tipo de situação que gere um acidente mais grave."