Vazamento de óleo provoca desvio dos veículos na BR-101

Geral


  • O vazamento de combustível forçou o desvio do trânsito na BR-101, sentido Aracaju

 

Milton Alves Júnior
Por mais de duas horas 
equipes da Polícia Rodo-
viária Federal (PRF) necessitaram interditar na manhã de ontem um trecho da BR-101, no sentido Aracaju/Propriá, na região do município sergipano de Laranjeiras. O fato ocorreu por medida de segurança em decorrência de um vazamento de óleo que era transportado por caminhão tanque estacionado no acostamento após perceber o problema mecânico. Por não haver registro de derramamento no sentido inverso - Propriá/Aracaju - o trânsito fluía lento, porém continuo. Esse foi o segundo caso registrado na própria BR-101 em menos de dois anos.
Em 12 de abril do ano passado um vazamento em uma carreta do mesmo seguimento logístico derramou óleo pela pista expressa e contribuiu para uma colisão entre três automóveis. O sinistro foi registrado no Km 87, no trecho da BR-101, próximo do acesso ao município de Nossa Senhora do Socorro, região metropolitana de Aracaju. Duas pessoas ficaram levemente feridas e uma precisou de atendimento especializado por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e, em seguida, encaminhada para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Nesta ocasião a PRF também precisou interditar a via para realização de limpeza.
 "Eu estava na fila, confesso que fiquei impaciente porque a fila não andava de Jeito nenhum. Estava achando que tinha sido algum acidente bem grave. Mandei mensagem para minha chefa relatando o atraso e depois fui saber do que se tratava. Antes chegar atrasado do que se envolver em acidente. A gente fica meio angustiado, mas a PRF tem total razão", declarou o auxiliar de monitoramento de condomínios, Denis de Jesus. Nestes casos, o recomendado é estacionar o veículo no acostamento a fim de evitar que o produto seja espalhado em maior distância.

Milton Alves Júnior

Por mais de duas horas  equipes da Polícia Rodo- viária Federal (PRF) necessitaram interditar na manhã de ontem um trecho da BR-101, no sentido Aracaju/Propriá, na região do município sergipano de Laranjeiras. O fato ocorreu por medida de segurança em decorrência de um vazamento de óleo que era transportado por caminhão tanque estacionado no acostamento após perceber o problema mecânico. Por não haver registro de derramamento no sentido inverso - Propriá/Aracaju - o trânsito fluía lento, porém continuo. Esse foi o segundo caso registrado na própria BR-101 em menos de dois anos.
Em 12 de abril do ano passado um vazamento em uma carreta do mesmo seguimento logístico derramou óleo pela pista expressa e contribuiu para uma colisão entre três automóveis. O sinistro foi registrado no Km 87, no trecho da BR-101, próximo do acesso ao município de Nossa Senhora do Socorro, região metropolitana de Aracaju. Duas pessoas ficaram levemente feridas e uma precisou de atendimento especializado por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e, em seguida, encaminhada para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Nesta ocasião a PRF também precisou interditar a via para realização de limpeza.
 "Eu estava na fila, confesso que fiquei impaciente porque a fila não andava de Jeito nenhum. Estava achando que tinha sido algum acidente bem grave. Mandei mensagem para minha chefa relatando o atraso e depois fui saber do que se tratava. Antes chegar atrasado do que se envolver em acidente. A gente fica meio angustiado, mas a PRF tem total razão", declarou o auxiliar de monitoramento de condomínios, Denis de Jesus. Nestes casos, o recomendado é estacionar o veículo no acostamento a fim de evitar que o produto seja espalhado em maior distância.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS