Daniel Paulista elogia atuação dos proletários

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 03/09/2019 às 07:56:00

 

O objetivo era vencer bem o Ypiranga-RS e deixar Aracaju com uma boa vantagem. O time proletário até que teve essa oportunidade, mas seus avantes não souberam transformar em gols as oportunidades. Criadas. Ary Moura e Renan Gorne, por exemplo, desperdiçaram duas excelentes oportunidades de gols no final do jogo. Bem verdade que do outro lado tinha o goleiro Deivity, para impedir o gol sergipano com duas excelente defesas. 
 Mas o importante é que o Confiança deixa Aracaju com uma vitória de 1x0, uma vantagem de jogar pelo empate. Caso o Ypiranga devolva o resultado a decisão vai para os pênaltis. Para o treinador Daniel Paulista toda vantagem tem que se considerada, mas o Confiança não vai se apegar ao fato de jogar pelo empate. "Conhecemos o adversário como ele também nos conhece. Vamos jogar para vencer. O empaste se acontecer será por uma questão de equilíbrio entre duas equipes. A vantagem para nós só será considerada ao final dos dois jogos", avaliou o treinador proletário deixando claro, que não vai se apegar à vantagem de jogar pelo empate.   
Daniel Paulista se mostrou satisfeito com o rendimento do Confiança no primeiro. Apesar da vantagem no placar, o treinador freou a euforia para o jogo de volta. 
- Enfrentamos um adversário de muita qualidade, mas o Confiança se portou muito bem, trabalhou bem a bola, criou inúmeras oportunidades, e poderia até, se tivesse caprichado um pouco mais nas finalizações, ter feito um placar maior. Genivaldo praticamente não teve nenhuma participação dentro do jogo. Isso foi um ponto muito importante que a gente teve - analisou Daniel Paulista.

O objetivo era vencer bem o Ypiranga-RS e deixar Aracaju com uma boa vantagem. O time proletário até que teve essa oportunidade, mas seus avantes não souberam transformar em gols as oportunidades. Criadas. Ary Moura e Renan Gorne, por exemplo, desperdiçaram duas excelentes oportunidades de gols no final do jogo. Bem verdade que do outro lado tinha o goleiro Deivity, para impedir o gol sergipano com duas excelente defesas. 
 Mas o importante é que o Confiança deixa Aracaju com uma vitória de 1x0, uma vantagem de jogar pelo empate. Caso o Ypiranga devolva o resultado a decisão vai para os pênaltis. Para o treinador Daniel Paulista toda vantagem tem que se considerada, mas o Confiança não vai se apegar ao fato de jogar pelo empate. "Conhecemos o adversário como ele também nos conhece. Vamos jogar para vencer. O empaste se acontecer será por uma questão de equilíbrio entre duas equipes. A vantagem para nós só será considerada ao final dos dois jogos", avaliou o treinador proletário deixando claro, que não vai se apegar à vantagem de jogar pelo empate.   
Daniel Paulista se mostrou satisfeito com o rendimento do Confiança no primeiro. Apesar da vantagem no placar, o treinador freou a euforia para o jogo de volta. 
- Enfrentamos um adversário de muita qualidade, mas o Confiança se portou muito bem, trabalhou bem a bola, criou inúmeras oportunidades, e poderia até, se tivesse caprichado um pouco mais nas finalizações, ter feito um placar maior. Genivaldo praticamente não teve nenhuma participação dentro do jogo. Isso foi um ponto muito importante que a gente teve - analisou Daniel Paulista.