Privatização dos Correios e suas consequências serão debatidas em audiência proposta pelo deputado João Daniel

Política

 

A preocupação com a possível privatização da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e as consequências disso para o país foram alguns dos motivos que levaram o deputado federal João Daniel (PT/SE), juntamente com o deputado Leonardo Monteiro (PT/MG), a apresentar requerimento na Comissão de Participação Legislativa da Câmara para debater o tema, em audiência pública. Durante reunião na Comissão, nesta quarta-feira, dia 26, o requerimento número 49/2019, foi aprovado. A audiência será realizada no dia 11 de julho, no sindicato dos bancários.
Segundo o parlamentar, os Correios estão entre as empresas que participarão do programa de privatizações do atual governo. Já foram iniciados os estudos para abrir o capital da empresa. João Daniel observa que essa questão tem sido vista com preocupação pela sociedade e os trabalhadores. Ele ressalta também o papel estratégico que os Correios têm como empresa pública.
A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos é uma empresa com 356 anos de existência, estando presente em todos os municípios brasileiros, sendo que em 60% deles é o único órgão federal funcionando. A empresa possui mais de 100 mil funcionários.

A preocupação com a possível privatização da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e as consequências disso para o país foram alguns dos motivos que levaram o deputado federal João Daniel (PT/SE), juntamente com o deputado Leonardo Monteiro (PT/MG), a apresentar requerimento na Comissão de Participação Legislativa da Câmara para debater o tema, em audiência pública. Durante reunião na Comissão, nesta quarta-feira, dia 26, o requerimento número 49/2019, foi aprovado. A audiência será realizada no dia 11 de julho, no sindicato dos bancários.
Segundo o parlamentar, os Correios estão entre as empresas que participarão do programa de privatizações do atual governo. Já foram iniciados os estudos para abrir o capital da empresa. João Daniel observa que essa questão tem sido vista com preocupação pela sociedade e os trabalhadores. Ele ressalta também o papel estratégico que os Correios têm como empresa pública.
A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos é uma empresa com 356 anos de existência, estando presente em todos os municípios brasileiros, sendo que em 60% deles é o único órgão federal funcionando. A empresa possui mais de 100 mil funcionários.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS