Homem que se apresentava como sargento da PM é preso

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 17/06/2019 às 23:15:00

 

Militares do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) prenderam um homem que se passava por policial militar no povoado São Brás, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). A abordagem aconteceu por volta das 20h40 deste domingo, quando os PMs foram acionados pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp 190) para averiguar uma denúncia de um suposto policial que estava no povoado.
Segundo a denúncia, o homem estava uniformizado e fazia uso de bebida alcoólica, além de busca pessoal em terceiros. No local, a guarnição identificou o suspeito utilizando um uniforme de passeio, insígnias de sargento e tarjeta de identificação pessoal com o nome de Marcio Pereira Matos, 43 anos. Após a abordagem foi comprovado que ele se passava por policial militar e usava uma tornozeleira eletrônica presa na perna. Márcio foi detido em flagrante e levado para autuação na Central de Flagrantes da Polícia Civil.
Foragida - Também neste domingo, ao final da tarde, policiais civis da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) prenderam Sheyla Raquel da Silva Santos, 27. Ela estava com mandado de prisão preventiva em aberto pela prática do crime de roubo, após participar de um assalto a uma joalheria no Centro de Aracaju, e estava foragida desde o mês de novembro de 2018.
Durante todo o domingo, os policiais mantiveram vigilância nos locais frequentados pela acusada, até presenciarem o momento em que ela embarcou em um táxi e desembarcou na Rodoviária Nova, bairro Capucho (zona oeste), onde foi abordada e presa. Essa foi a quinta prisão realizada por policiais da Dipol, em apoio às unidades policiais do estado, nos últimos dez dias.

Militares do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) prenderam um homem que se passava por policial militar no povoado São Brás, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). A abordagem aconteceu por volta das 20h40 deste domingo, quando os PMs foram acionados pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp 190) para averiguar uma denúncia de um suposto policial que estava no povoado.
Segundo a denúncia, o homem estava uniformizado e fazia uso de bebida alcoólica, além de busca pessoal em terceiros. No local, a guarnição identificou o suspeito utilizando um uniforme de passeio, insígnias de sargento e tarjeta de identificação pessoal com o nome de Marcio Pereira Matos, 43 anos. Após a abordagem foi comprovado que ele se passava por policial militar e usava uma tornozeleira eletrônica presa na perna. Márcio foi detido em flagrante e levado para autuação na Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Foragida - Também neste domingo, ao final da tarde, policiais civis da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) prenderam Sheyla Raquel da Silva Santos, 27. Ela estava com mandado de prisão preventiva em aberto pela prática do crime de roubo, após participar de um assalto a uma joalheria no Centro de Aracaju, e estava foragida desde o mês de novembro de 2018.
Durante todo o domingo, os policiais mantiveram vigilância nos locais frequentados pela acusada, até presenciarem o momento em que ela embarcou em um táxi e desembarcou na Rodoviária Nova, bairro Capucho (zona oeste), onde foi abordada e presa. Essa foi a quinta prisão realizada por policiais da Dipol, em apoio às unidades policiais do estado, nos últimos dez dias.