Brasil encaminha classificação se vencer

Esporte


  • Recuperado da lesão, o atacante Arthur participou dos treinos desta segunda-feira e garantiu presença no jogo desta noite contra a Venezuela

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
As seleções do Brasil 
e Venezuela fazem 
esta noite na Arena Fonte Nova o segundo jogo do Grupo A da Copa América 2019. A partida está marcada para as 21h30 e deverá contar com estádio lotado. Uma vitória do Brasil encaminha a classificação da seleção Canarinha para a próxima fase da competição. O Brasil está com três pontos ganhos, fruto da vitória de 3x0 contra a Bolívia. A Venezuela empatou no jogo de estreia com o Peru em 0x0 e soma apenas um ponto.   
Para esse compromisso, o técnico Tite ainda ganha o retorno do volante Arthur, ex-Grêmio, recuperado das dores no joelho que o tiraram de campo, ainda no primeiro tempo do amistoso com Honduras, no Beira-Rio e o impediram de atuar no Morumbi.
Os venezuelanos vêm de um empate em 0 a 0 com o Peru, pela primeira rodada, na Arena do Grêmio. Se o resultado obtido em Porto Alegre não pode ser considerado ruim para as pretensões da seleção vinotinto, a estreia traz um prejuízo: o zagueiro Luís Mago foi expulso e impedirá o técnico Rafael Dudamel de repetir a escalação diante do Brasil. 
As prováveis equipes para essa partida estão assim constituídas:
BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís; Casemiro; Arthur, Philippe Coutinho, Richarlison e Roberto Firmino; David Neres. Técnico: Tite.
VENEZUELA: Fariñez; Rosales, Chancellor, Feltscher e Villanueva; Moreno, Herrera e Rincón; Savarino, Rondón e Murillo. Técnico:  Rafael Dudamel.
Arbitragem: Júlio Bascuñan, auxiliado por Christian Schiemann e Claudio Rios.
VAR: Roberto Tobar (quarteto chileno).

As seleções do Brasil  e Venezuela fazem  esta noite na Arena Fonte Nova o segundo jogo do Grupo A da Copa América 2019. A partida está marcada para as 21h30 e deverá contar com estádio lotado. Uma vitória do Brasil encaminha a classificação da seleção Canarinha para a próxima fase da competição. O Brasil está com três pontos ganhos, fruto da vitória de 3x0 contra a Bolívia. A Venezuela empatou no jogo de estreia com o Peru em 0x0 e soma apenas um ponto.   
Para esse compromisso, o técnico Tite ainda ganha o retorno do volante Arthur, ex-Grêmio, recuperado das dores no joelho que o tiraram de campo, ainda no primeiro tempo do amistoso com Honduras, no Beira-Rio e o impediram de atuar no Morumbi.
Os venezuelanos vêm de um empate em 0 a 0 com o Peru, pela primeira rodada, na Arena do Grêmio. Se o resultado obtido em Porto Alegre não pode ser considerado ruim para as pretensões da seleção vinotinto, a estreia traz um prejuízo: o zagueiro Luís Mago foi expulso e impedirá o técnico Rafael Dudamel de repetir a escalação diante do Brasil. 
As prováveis equipes para essa partida estão assim constituídas:

BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís; Casemiro; Arthur, Philippe Coutinho, Richarlison e Roberto Firmino; David Neres. Técnico: Tite.

VENEZUELA:
Fariñez; Rosales, Chancellor, Feltscher e Villanueva; Moreno, Herrera e Rincón; Savarino, Rondón e Murillo. Técnico:  Rafael Dudamel.

Arbitragem: Júlio Bascuñan, auxiliado por Christian Schiemann e Claudio Rios.

VAR: Roberto Tobar (quarteto chileno).

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS