CBF veta inclusão de Sergipe e Itabaiana na A2

Esporte

 

O sonho das equipes 
do Sergipe e do 
Confiança de disputar o Campeonato Sergipano da Série A2 morreu no nascedouro. A Federação Sergipana de Futebol (FSF), através do seu Departamento de Competições consultou a Confederação Brasileira de Futebol e a resposta foi um tremendo não. Dessa forma, o Itabaiana vai continuar disputando o Brasileiro da Série D, brigando pelo acesso à Série C, enquanto o Sergipe vai se contentar em fechar as portas e abrir somente no mês de novembro ou dezembro quando começa a pré-temporada para 2020.
As citadas equipes registraram a inscrição para a disputa da competição na última sexta-feira. O presidente da FSF, Milton Dantas, disse que pretendia incluir os três clubes na Segunda Divisão como convidados. No entanto, faria uma consulta oficial à CBF, sobre a legalidade do convite.
Após, consulta ao Departamento de Competições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a Federação Sergipana de Futebol (FSF) esclarece que a entidade máxima do futebol brasileiro não autorizou a participação dos clubes da Série A1 no estadual da Série A2, deste ano.
Depois da conclusão do Campeonato Sergipano alguns clubes demostraram interesse em disputar o Sergipão da Série A2. O presidente da FSF, Milton Dantas esteve pessoalmente no fim da tarde de ontem (10) na sede da CBF e conversou com os diretores da entidade e após estudo do caso a participação dos clubes da Série A1 não foi autorizada.
A decisão foi baseada no estatuto do torcedor no seu Artigo 10 § 2º - "Fica vedada a adoção de qualquer outro critério, especialmente o convite, observado o disposto no art. 89 da Lei nº 9.615, de 24 de março de 1998. § 3º - Em campeonatos ou torneios regulares com mais de uma divisão, será observado o princípio do acesso e do descenso. § 4º - Serão desconsideradas as partidas disputadas pela entidade de prática desportiva que não tenham atendido ao critério técnico previamente definido, inclusive para efeito de pontuação na competição".

O sonho das equipes  do Sergipe e do  Confiança de disputar o Campeonato Sergipano da Série A2 morreu no nascedouro. A Federação Sergipana de Futebol (FSF), através do seu Departamento de Competições consultou a Confederação Brasileira de Futebol e a resposta foi um tremendo não. Dessa forma, o Itabaiana vai continuar disputando o Brasileiro da Série D, brigando pelo acesso à Série C, enquanto o Sergipe vai se contentar em fechar as portas e abrir somente no mês de novembro ou dezembro quando começa a pré-temporada para 2020.
As citadas equipes registraram a inscrição para a disputa da competição na última sexta-feira. O presidente da FSF, Milton Dantas, disse que pretendia incluir os três clubes na Segunda Divisão como convidados. No entanto, faria uma consulta oficial à CBF, sobre a legalidade do convite.
Após, consulta ao Departamento de Competições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a Federação Sergipana de Futebol (FSF) esclarece que a entidade máxima do futebol brasileiro não autorizou a participação dos clubes da Série A1 no estadual da Série A2, deste ano.
Depois da conclusão do Campeonato Sergipano alguns clubes demostraram interesse em disputar o Sergipão da Série A2. O presidente da FSF, Milton Dantas esteve pessoalmente no fim da tarde de ontem (10) na sede da CBF e conversou com os diretores da entidade e após estudo do caso a participação dos clubes da Série A1 não foi autorizada.
A decisão foi baseada no estatuto do torcedor no seu Artigo 10 § 2º - "Fica vedada a adoção de qualquer outro critério, especialmente o convite, observado o disposto no art. 89 da Lei nº 9.615, de 24 de março de 1998. § 3º - Em campeonatos ou torneios regulares com mais de uma divisão, será observado o princípio do acesso e do descenso. § 4º - Serão desconsideradas as partidas disputadas pela entidade de prática desportiva que não tenham atendido ao critério técnico previamente definido, inclusive para efeito de pontuação na competição".

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS