Criminosos invadem casa e ameaçam moradores na zona de expansão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 16/05/2019 às 23:15:00

 

Dois moradores de uma casa no povoado Areia Branca (zona de expansão) foram agredidos e ameaçados de morte por cinco bandidos, durante um assalto ocorrido na madrugada de ontem. Segundo as vítimas, o grupo chegou ao local e tentou entrar pela porta da frente, mas não conseguiu derrubá-la. Eles seguiram logo para os fundos da casa e conseguiram entrar, mas os moradores, acordados pelo barulho, tentaram uma chance de defesa e um deles, armado com um facão, atacou um dos invasores durante a entrada. 
A estratégia deu errado, pois o assaltante não teve ferimentos graves. A vítima então foi desarmada e passou a ser espancada pelos ladrões com o próprio facão. Um dos criminosos chegou a ironizar o morador, perguntando se ele era mesmo valente. Nos minutos que se seguiram, os ladrões pegaram vários objetos da casa, principalmente aparelhos eletrônicos. Eles ainda agrediram os dois homens e fizeram ameaças. O que parecia ser o líder dos marginais disse aos moradores que eles teriam três dias para abandonarem a casa e se mudarem de lá. E que, caso contrário, eles voltariam ao local para matar as vítimas. 
Vizinhos também foram acordados com os gritos e os barulhos da casa invadida, ficando amedrontados. Os moradores assaltados prestaram queixa na polícia e se mudaram ontem mesmo da casa, que era alugada. O caso deve ser investigado pela Delegacia Especial de Turismo (Detur).

Dois moradores de uma casa no povoado Areia Branca (zona de expansão) foram agredidos e ameaçados de morte por cinco bandidos, durante um assalto ocorrido na madrugada de ontem. Segundo as vítimas, o grupo chegou ao local e tentou entrar pela porta da frente, mas não conseguiu derrubá-la. Eles seguiram logo para os fundos da casa e conseguiram entrar, mas os moradores, acordados pelo barulho, tentaram uma chance de defesa e um deles, armado com um facão, atacou um dos invasores durante a entrada. 
A estratégia deu errado, pois o assaltante não teve ferimentos graves. A vítima então foi desarmada e passou a ser espancada pelos ladrões com o próprio facão. Um dos criminosos chegou a ironizar o morador, perguntando se ele era mesmo valente. Nos minutos que se seguiram, os ladrões pegaram vários objetos da casa, principalmente aparelhos eletrônicos. Eles ainda agrediram os dois homens e fizeram ameaças. O que parecia ser o líder dos marginais disse aos moradores que eles teriam três dias para abandonarem a casa e se mudarem de lá. E que, caso contrário, eles voltariam ao local para matar as vítimas. 
Vizinhos também foram acordados com os gritos e os barulhos da casa invadida, ficando amedrontados. Os moradores assaltados prestaram queixa na polícia e se mudaram ontem mesmo da casa, que era alugada. O caso deve ser investigado pela Delegacia Especial de Turismo (Detur).