Motorista embriagado atropela procissão em Pinhão

Cidades

 

Pelo menos 14 pessoas ficaram feridas em uma procissão católica na noite deste sábado, em Pinhão (Agreste). As vítimas seguiam pelas margens da BR-235, no povoado Mocambo, área rural do município, e foram atingidas por um veículo conduzido por dois homens com sinais de embriaguez. Segundo a Polícia Militar, os fiéis seguiam uma imagem de São José Operário, padroeira do povoado, e foram surpreendidas pelo veículo, que seguia desgovernado pela pista e acertou o grupo que seguia em motos.
Os outros participantes da procissão conseguiram deter os ocupantes do veículo e houve uma tentativa de linchamento, que foi contida após a chegada da PM. Todas as vítimas foram atendidas por seis equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e levadas ao Hospital Regional Pedro Garcia Moreno, em Itabaiana. Já os ocupantes do carro também ficaram feridos e foram levados ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, onde permaneceram internados sob custódia da PM. Eles foram autuados em flagrante por embriaguez ao volante e devem responder a inquérito policial. 

Pelo menos 14 pessoas ficaram feridas em uma procissão católica na noite deste sábado, em Pinhão (Agreste). As vítimas seguiam pelas margens da BR-235, no povoado Mocambo, área rural do município, e foram atingidas por um veículo conduzido por dois homens com sinais de embriaguez. Segundo a Polícia Militar, os fiéis seguiam uma imagem de São José Operário, padroeira do povoado, e foram surpreendidas pelo veículo, que seguia desgovernado pela pista e acertou o grupo que seguia em motos.
Os outros participantes da procissão conseguiram deter os ocupantes do veículo e houve uma tentativa de linchamento, que foi contida após a chegada da PM. Todas as vítimas foram atendidas por seis equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e levadas ao Hospital Regional Pedro Garcia Moreno, em Itabaiana. Já os ocupantes do carro também ficaram feridos e foram levados ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, onde permaneceram internados sob custódia da PM. Eles foram autuados em flagrante por embriaguez ao volante e devem responder a inquérito policial. 

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS