Sergipe ultrapassa 50% de cobertura vacinal contra a gripe

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Somente no Dia D, realizado no último sábado (04), mais de 70 mil pessoas foram imunizadas
Somente no Dia D, realizado no último sábado (04), mais de 70 mil pessoas foram imunizadas

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/05/2019 às 23:08:00

 

De bicicleta, carrinho de mão ou a cavalo, não importa. O fato é que o Zé Gotinha cruzou as distâncias do Estado para levar às crianças das regiões mais distantes a mensagem da vacinação contra a gripe, no sábado (04), Dia "D". O resultado foi positivo: até esta segunda-feira (6), Sergipe imunizou 253 mil pessoas, ou seja, ultrapassou os 50% da meta, que é 90%. Somente no último sábado, mais de 70 mil pessoas em todo o Estado foram imunizadas.
A meta é vacinar 502.600 pessoas dos grupos prioritários: crianças maiores de seis meses e menores de seis anos, gestantes, puérperas, professores, idosos a partir dos 60 anos, índios, paciente com comorbidade e população privada de liberdade e funcionários de presídios.
A expectativa é a de que até o final da campanha, 31 de maio, a meta definida pelo Ministério da Saúde seja alcançada. "Os municípios realizaram um intenso trabalho de mobilização, esbanjando criatividade e demonstrando muito comprometimento com a campanha. O resultado foi considerado positivo e vamos continuar estimulando para que Sergipe atinja a meta vacinal desta campanha", declarou a gerente do Programa Estadual de Imunização, Sândala Teles.

De bicicleta, carrinho de mão ou a cavalo, não importa. O fato é que o Zé Gotinha cruzou as distâncias do Estado para levar às crianças das regiões mais distantes a mensagem da vacinação contra a gripe, no sábado (04), Dia "D". O resultado foi positivo: até esta segunda-feira (6), Sergipe imunizou 253 mil pessoas, ou seja, ultrapassou os 50% da meta, que é 90%. Somente no último sábado, mais de 70 mil pessoas em todo o Estado foram imunizadas.
A meta é vacinar 502.600 pessoas dos grupos prioritários: crianças maiores de seis meses e menores de seis anos, gestantes, puérperas, professores, idosos a partir dos 60 anos, índios, paciente com comorbidade e população privada de liberdade e funcionários de presídios.
A expectativa é a de que até o final da campanha, 31 de maio, a meta definida pelo Ministério da Saúde seja alcançada. "Os municípios realizaram um intenso trabalho de mobilização, esbanjando criatividade e demonstrando muito comprometimento com a campanha. O resultado foi considerado positivo e vamos continuar estimulando para que Sergipe atinja a meta vacinal desta campanha", declarou a gerente do Programa Estadual de Imunização, Sândala Teles.