Brasil está pronto para encarar o Panamá

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O atacante Casemiro além de titular terá oportunidade de ser o capitão da seleção brasileira contra o Panamá
O atacante Casemiro além de titular terá oportunidade de ser o capitão da seleção brasileira contra o Panamá

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 23/03/2019 às 06:03:00

 

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br
Tite comandou nesta 
sexta-feira o treino 
apronto e de reconhecimento do gramado do campo do onde acontece neste sábado o amistoso contra o Panamá. Não só o time brasileiro, mas o campo do Dragão também está pronto para o grande jogo. O brasil deve ter esta formação: Ederson; Fagner, Militão Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Paquetá, Coutinho e Richarlison; Firmino.
O técnico Tite definiu nesta sexta-feira que o volante Casemiro, do Real Madrid, será o capitão da Seleção Brasileira no Amistoso deste sábado contra o Panamá, no estádio do Dragão, na Cidade do Porto, em Portugal. Depois da Copa do Mundo da Rússia, o treinador efetivou Ney mar com a faixa, mas essa será a primeira partida sem o atacante, que se recupera de uma lesão no pé direito e não foi convocado.
Esta não será a primeira vez de Casemiro com a braçadeira de capitão na seleção brasileira. Em 2017, contra a Bolívia, em La Paz, em jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, ele também foi o escolhido. Na época, Tite ainda fazia um rodízio no posto.
Casemiro terá a oportunidade de ser capitão justamente em um palco que conhece muito bem. Entre 2014 e 2015, depois de deixar o São Paulo, o volante defendeu o Porto, clube que manda suas partidas no estádio do Dragão. De Portugal, o brasileiro seguiu para o Real Madrid, onde é um dos destaques nas últimas temporadas.
Em campo, Casemiro estará em um time que terá jogadores sendo testados por Tite para a disputa da Copa América. A provável escalação é: Ederson; Fagner, Eder Militão, Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Lucas Paquetá, Philippe Coutinho e Richarlison; Roberto Firmino.
O amistoso deste sábado, no estádio do Dragão, está marcado para as 14 horas (de Brasília). Logo após a partida, o Brasil segue para Praga, capital da República Checa. Na próxima terça-feira, a seleção enfrentará o time da casa, na Eden Arena, às 16h45.
Aos 27, Casemiro será capitão do Brasil pela segunda vez. Em 2017, ele teve a honra na penúltima rodada das eliminatórias, no empate sem gols com a Bolívia, em La Paz. Na época, Tite promovia o rodízio do posto para estimular que todos pudessem exercer algum tipo de liderança.
Local: estádio do Dragão, no Porto - Data e horário: sábado, às 14h (de Brasília) - Escalação: Ederson, Fagner, Militão Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Paquetá, Coutinho e Richarlison; Firmino. Técnico: Tite - Reservas: Alisson, Weverton, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro, Fabinho, Allan, Felipe Anderson, Everton, David Neres e Gabriel Jesus - Arbitragem: João Pinheiro, auxiliado por Bruno Rodrigues e Álvaro Mesquita (todos de Portugal)

Tite comandou nesta  sexta-feira o treino  apronto e de reconhecimento do gramado do campo do onde acontece neste sábado o amistoso contra o Panamá. Não só o time brasileiro, mas o campo do Dragão também está pronto para o grande jogo. O brasil deve ter esta formação: Ederson; Fagner, Militão Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Paquetá, Coutinho e Richarlison; Firmino.
O técnico Tite definiu nesta sexta-feira que o volante Casemiro, do Real Madrid, será o capitão da Seleção Brasileira no Amistoso deste sábado contra o Panamá, no estádio do Dragão, na Cidade do Porto, em Portugal. Depois da Copa do Mundo da Rússia, o treinador efetivou Ney mar com a faixa, mas essa será a primeira partida sem o atacante, que se recupera de uma lesão no pé direito e não foi convocado.
Esta não será a primeira vez de Casemiro com a braçadeira de capitão na seleção brasileira. Em 2017, contra a Bolívia, em La Paz, em jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, ele também foi o escolhido. Na época, Tite ainda fazia um rodízio no posto.
Casemiro terá a oportunidade de ser capitão justamente em um palco que conhece muito bem. Entre 2014 e 2015, depois de deixar o São Paulo, o volante defendeu o Porto, clube que manda suas partidas no estádio do Dragão. De Portugal, o brasileiro seguiu para o Real Madrid, onde é um dos destaques nas últimas temporadas.
Em campo, Casemiro estará em um time que terá jogadores sendo testados por Tite para a disputa da Copa América. A provável escalação é: Ederson; Fagner, Eder Militão, Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Lucas Paquetá, Philippe Coutinho e Richarlison; Roberto Firmino.
O amistoso deste sábado, no estádio do Dragão, está marcado para as 14 horas (de Brasília). Logo após a partida, o Brasil segue para Praga, capital da República Checa. Na próxima terça-feira, a seleção enfrentará o time da casa, na Eden Arena, às 16h45.
Aos 27, Casemiro será capitão do Brasil pela segunda vez. Em 2017, ele teve a honra na penúltima rodada das eliminatórias, no empate sem gols com a Bolívia, em La Paz. Na época, Tite promovia o rodízio do posto para estimular que todos pudessem exercer algum tipo de liderança.
Local: estádio do Dragão, no Porto - Data e horário: sábado, às 14h (de Brasília) - Escalação: Ederson, Fagner, Militão Miranda e Alex Telles; Casemiro; Arthur, Paquetá, Coutinho e Richarlison; Firmino. Técnico: Tite - Reservas: Alisson, Weverton, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro, Fabinho, Allan, Felipe Anderson, Everton, David Neres e Gabriel Jesus - Arbitragem: João Pinheiro, auxiliado por Bruno Rodrigues e Álvaro Mesquita (todos de Portugal)