Grupo de extermínio Scuderie Le Cocq terá história narrada em documentário exclusivo do canal Curta!

Cultura

 

Em 1965, 12 policiais fundaram um grupo de segurança não oficial que tinha como objetivo "limpar as ruas" do Rio de Janeiro, fazendo justiça a qualquer preço. Era a Scuderie Le Cocq. Batizada em homenagem a Milton Le Cocq, famoso detetive de polícia assassinado na década de 1960 pelo criminoso Manoel Moreira, conhecido como Cara de Cavalo, a organização atuou até a década de 1980.
Atuando como um esquadrão da morte, a Scuderie Le Cocq cresceu, ganhou sedes no Rio, em São Paulo e em Vitória, contabilizou centenas de mortes e chegou a reunir mais de 7 mil associados. Mais de 50 anos depois de sua fundação, a história do primeiro grupo de extermínio do país será investigada e revelada no telefilme 'Com as Próprias Mãos'. Projeto da Pacto Audiovisual com exclusividade para o canal Curta!, o filme acaba de ser aprovado pela Ancine para receber recursos do Fundo Setorial do Audiovisual.
Ex-líder do grupo no Espírito Santo, o ex-delegado e atual pastor Claudio Guerra foi um dos nomes que a produção do longa já entrevistou. Arrependido dos anos dedicados ao grupo de extermínio, Guerra contou em depoimento exclusivo detalhes surpreendentes sobre o funcionamento do esquadrão, suas regras e a participação de pessoas famosas. Entre as pessoas 'comuns' estão médicos, professores e engenheiros que pagavam mensalidades para que o esquadrão eliminasse bandidos que cometiam crimes e furtos.

Em 1965, 12 policiais fundaram um grupo de segurança não oficial que tinha como objetivo "limpar as ruas" do Rio de Janeiro, fazendo justiça a qualquer preço. Era a Scuderie Le Cocq. Batizada em homenagem a Milton Le Cocq, famoso detetive de polícia assassinado na década de 1960 pelo criminoso Manoel Moreira, conhecido como Cara de Cavalo, a organização atuou até a década de 1980.
Atuando como um esquadrão da morte, a Scuderie Le Cocq cresceu, ganhou sedes no Rio, em São Paulo e em Vitória, contabilizou centenas de mortes e chegou a reunir mais de 7 mil associados. Mais de 50 anos depois de sua fundação, a história do primeiro grupo de extermínio do país será investigada e revelada no telefilme 'Com as Próprias Mãos'. Projeto da Pacto Audiovisual com exclusividade para o canal Curta!, o filme acaba de ser aprovado pela Ancine para receber recursos do Fundo Setorial do Audiovisual.
Ex-líder do grupo no Espírito Santo, o ex-delegado e atual pastor Claudio Guerra foi um dos nomes que a produção do longa já entrevistou. Arrependido dos anos dedicados ao grupo de extermínio, Guerra contou em depoimento exclusivo detalhes surpreendentes sobre o funcionamento do esquadrão, suas regras e a participação de pessoas famosas. Entre as pessoas 'comuns' estão médicos, professores e engenheiros que pagavam mensalidades para que o esquadrão eliminasse bandidos que cometiam crimes e furtos.

 


COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS