Sergipe quer vencer o Dorense na estreia

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 16/03/2019 às 14:35:00

 

 Há uma semana nenhum torcedor do Sergipe acreditava em sucesso da equipe no Sergipão 2019. A equipe vinha de um magro empate em 0x0, contra o lanterna e rebaixado Olímpico. Veio o jogo contra o Bahia pela Copa do Nordeste e ressurgindo das cinzas, o vermelhinho venceu o Bahia, em plena Fonte, numa vitória memorável.
O Sergipe chega de moral alto contra o Dorense esta tarde no estádio Ariston Azevedo. Foi o dorense quem pregou uma peça na fase de classificação vencendo o Sergipe por 3x1 no Batistão, dando início a uma crise no time rubro, culminando com a renúncia de toda a diretoria. Hoje o ambiente no Sergipe é outro. O time respira otimismo. Jogadores não pensam em revanche contra o Dorense, mas acreditam na vitória, mesmo sendo na casa do adversário. O trabalho de Leandro Campos começa a se encaixar e o Vermelhinho desabrochou. 
Confiante, a torcida promete acompanhar a equipe e incentivar o Sergipe nas acanhadas e desconfortáveis acomodações do estádio Ariston Azevedo.  Para essa partida o time rubro não conta com problemas. Leandro Campos comandou o coletivo na sexta-feira, treino recreativo na manhã de sábado e definiu que a equipe para enfrentar o Dorense deve ser a mesma que venceu o Bahia na Fonte Nova.
A vitória contra o Bahia será o grande cartão de visita do Sergipe para a partida desta tarde na cidade de Dores. Com Leandro Campos, o Sergipe já fez duas partidas. Na primeira, um empate sem gols com o Olímpico na Arena Batistão, que não comprometeu o clube na primeira fase do estadual, pois já estava classificado para o hexagonal. E a primeira vitória veio no segundo jogo, quando o time colorado derrotou o Bahia na Fonte Nova pelo Nordestão na última quarta. Leandro Campos enxergou evolução tática na equipe colorada.
- A questão psicológica foi muito bem abordada. Mas acima disso tudo, tivemos principalmente a parte tática. Eu penso que nossa equipe teve em campo uma doação muito grande por parte dos atletas em relação ao desenvolvimento tático. É assim que a equipe deve se apresentar nos próximos jogos - comenta o treinador.
Quer ir mais longe - O Dorense é a grande surpresa do Sergipão 2019. Com 15 pontos ganhos na fase de classificação, o Dorense chegou à frente de equipes tradicionais como o Sergipe (4º.) e o Itabaiana (6º.). O Dorense teve uma campanha de fazer inveja a muito clube na primeira fase do Campeonato Sergipano. O Touro alvirrubro perdeu apenas um jogo, venceu quatro e empatou três, passando para o hexagonal em terceiro lugar.
- Mostramos que, dentro do Ariston, o Dorense será uma equipe quase imbatível. Temos três jogos aqui e espero não perder nenhum. O primeiro será contra o Sergipe. É um novo campeonato. Vamos entrar com humildade, trabalhando muito nossa defesa. Por isso, temos a menos vazada do campeonato. Se você não sofre gols, a possibilidade de se sair bem é muito grande - explicou o treinador do Dorense.
Dorense e Sergipe jogam às 15h30 no estádio Ariston Azevedo, em Dores.  O árbitro central dessa partida será Fábio Augusto Sá. Os assistentes serão Eric Nunes Costa e Thiago Emanuel Reis de Albuquerque. O quarto árbitro será Thayslane Melo Costa.

Há uma semana nenhum torcedor do Sergipe acreditava em sucesso da equipe no Sergipão 2019. A equipe vinha de um magro empate em 0x0, contra o lanterna e rebaixado Olímpico. Veio o jogo contra o Bahia pela Copa do Nordeste e ressurgindo das cinzas, o vermelhinho venceu o Bahia, em plena Fonte, numa vitória memorável.
O Sergipe chega de moral alto contra o Dorense esta tarde no estádio Ariston Azevedo. Foi o dorense quem pregou uma peça na fase de classificação vencendo o Sergipe por 3x1 no Batistão, dando início a uma crise no time rubro, culminando com a renúncia de toda a diretoria. Hoje o ambiente no Sergipe é outro. O time respira otimismo. Jogadores não pensam em revanche contra o Dorense, mas acreditam na vitória, mesmo sendo na casa do adversário. O trabalho de Leandro Campos começa a se encaixar e o Vermelhinho desabrochou. 
Confiante, a torcida promete acompanhar a equipe e incentivar o Sergipe nas acanhadas e desconfortáveis acomodações do estádio Ariston Azevedo.  Para essa partida o time rubro não conta com problemas. Leandro Campos comandou o coletivo na sexta-feira, treino recreativo na manhã de sábado e definiu que a equipe para enfrentar o Dorense deve ser a mesma que venceu o Bahia na Fonte Nova.
A vitória contra o Bahia será o grande cartão de visita do Sergipe para a partida desta tarde na cidade de Dores. Com Leandro Campos, o Sergipe já fez duas partidas. Na primeira, um empate sem gols com o Olímpico na Arena Batistão, que não comprometeu o clube na primeira fase do estadual, pois já estava classificado para o hexagonal. E a primeira vitória veio no segundo jogo, quando o time colorado derrotou o Bahia na Fonte Nova pelo Nordestão na última quarta. Leandro Campos enxergou evolução tática na equipe colorada.
- A questão psicológica foi muito bem abordada. Mas acima disso tudo, tivemos principalmente a parte tática. Eu penso que nossa equipe teve em campo uma doação muito grande por parte dos atletas em relação ao desenvolvimento tático. É assim que a equipe deve se apresentar nos próximos jogos - comenta o treinador.

Quer ir mais longe - O Dorense é a grande surpresa do Sergipão 2019. Com 15 pontos ganhos na fase de classificação, o Dorense chegou à frente de equipes tradicionais como o Sergipe (4º.) e o Itabaiana (6º.). O Dorense teve uma campanha de fazer inveja a muito clube na primeira fase do Campeonato Sergipano. O Touro alvirrubro perdeu apenas um jogo, venceu quatro e empatou três, passando para o hexagonal em terceiro lugar.
- Mostramos que, dentro do Ariston, o Dorense será uma equipe quase imbatível. Temos três jogos aqui e espero não perder nenhum. O primeiro será contra o Sergipe. É um novo campeonato. Vamos entrar com humildade, trabalhando muito nossa defesa. Por isso, temos a menos vazada do campeonato. Se você não sofre gols, a possibilidade de se sair bem é muito grande - explicou o treinador do Dorense.
Dorense e Sergipe jogam às 15h30 no estádio Ariston Azevedo, em Dores.  O árbitro central dessa partida será Fábio Augusto Sá. Os assistentes serão Eric Nunes Costa e Thiago Emanuel Reis de Albuquerque. O quarto árbitro será Thayslane Melo Costa.