Na linha de fogo

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Na entrevista que concedeu ontem à imprensa para anunciar os 13 pedidos de impugnação de registro de candidatura que o MPE faria ao TRE, a procuradora Eunice Dantas declarou que o ex-prefeito Sukita é o campeão de causas para que sua candidatura fosse imp
Na entrevista que concedeu ontem à imprensa para anunciar os 13 pedidos de impugnação de registro de candidatura que o MPE faria ao TRE, a procuradora Eunice Dantas declarou que o ex-prefeito Sukita é o campeão de causas para que sua candidatura fosse imp

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 25/08/2018 às 08:05:00

 

O candidato a governador Vala
dares Filho (PSB) se mantém li
derando as pesquisas de intenções de voto e isso está criando uma indignação entre alguns aliados do governador Belivaldo Chagas (PSB), candidato a reeleição, que permanece em terceiro lugar.
Para o aliado - que tem mandato e vai para a reeleição, mas pediu que não citasse seu nome para evitar confusão - Valadares Filho se mantém na frente por "muita incompetência de Belivaldo e Eduardo [Amorim]".
"Belivaldo e Eduardo deixam Valadares Filho com discurso enganoso, com discurso de renovação e mudança. Colocou isso na rua e pegou. É preciso desconstruir isso. Mostrar como é proposta de renovação e mudança se o senador Valadares está na chapa disputando a reeleição já com mais de 50 anos de mandato", avalia.
Revela que é preciso ser colocado que Valadares foi vereador de Simão Dias, duas vezes deputado estadual, uma vez deputado federal, vice, governador por um mandato e três vezes senador. "Se Valadares for reeleito vai terminar o mandato com 84 anos", declara.
Ressalta o parlamentar, que faz questão de demonstrar sua indignação com esse cenário atual, que Valadares está na política desde a época de José Sarney. "É o vovô da política. Ele só não é velho na política como se veste de velho. Parece o senador Odorico Paraguaçu, da novela o Bem Amado", ironizou.
Ainda segundo o parlamentar, Belivaldo e Eduardo precisam mostrar também que a chapa de Valadares Filho é uma chapa familiar. "Estão nela Valadares pai, Valadares Filho e Rodrigo Valadares; Fábio Henrique, a mulher Silvia Fontes e o irmão; e Elber Batalha pai e filho", afirmou, enfatizando que o agrupamento é político e familiar.
Na pesquisa de intenção de voto divulgada ontem, pelo Instituto França,  Valadares Filho aparece com 19,8% das intenções de votos, Eduardo Amorim com 18,4%, Belivaldo Chagas com 14,9%, Dr Emerson com 3,9%, Mendonça Prado (DEM) com 3%, João Tarantella (PSL) com  2,6%, Milton Andrade (PMN) com 2,1%, Márcio Souza (PSOL) e Gilvani Santos (PSTU) com 0,9%.
É natural a reação do aliado do governador, quando já estamos a 44 dias das eleições...

O candidato a governador Vala dares Filho (PSB) se mantém li derando as pesquisas de intenções de voto e isso está criando uma indignação entre alguns aliados do governador Belivaldo Chagas (PSB), candidato a reeleição, que permanece em terceiro lugar.
Para o aliado - que tem mandato e vai para a reeleição, mas pediu que não citasse seu nome para evitar confusão - Valadares Filho se mantém na frente por "muita incompetência de Belivaldo e Eduardo [Amorim]".
"Belivaldo e Eduardo deixam Valadares Filho com discurso enganoso, com discurso de renovação e mudança. Colocou isso na rua e pegou. É preciso desconstruir isso. Mostrar como é proposta de renovação e mudança se o senador Valadares está na chapa disputando a reeleição já com mais de 50 anos de mandato", avalia.
Revela que é preciso ser colocado que Valadares foi vereador de Simão Dias, duas vezes deputado estadual, uma vez deputado federal, vice, governador por um mandato e três vezes senador. "Se Valadares for reeleito vai terminar o mandato com 84 anos", declara.
Ressalta o parlamentar, que faz questão de demonstrar sua indignação com esse cenário atual, que Valadares está na política desde a época de José Sarney. "É o vovô da política. Ele só não é velho na política como se veste de velho. Parece o senador Odorico Paraguaçu, da novela o Bem Amado", ironizou.
Ainda segundo o parlamentar, Belivaldo e Eduardo precisam mostrar também que a chapa de Valadares Filho é uma chapa familiar. "Estão nela Valadares pai, Valadares Filho e Rodrigo Valadares; Fábio Henrique, a mulher Silvia Fontes e o irmão; e Elber Batalha pai e filho", afirmou, enfatizando que o agrupamento é político e familiar.
Na pesquisa de intenção de voto divulgada ontem, pelo Instituto França,  Valadares Filho aparece com 19,8% das intenções de votos, Eduardo Amorim com 18,4%, Belivaldo Chagas com 14,9%, Dr Emerson com 3,9%, Mendonça Prado (DEM) com 3%, João Tarantella (PSL) com  2,6%, Milton Andrade (PMN) com 2,1%, Márcio Souza (PSOL) e Gilvani Santos (PSTU) com 0,9%.
É natural a reação do aliado do governador, quando já estamos a 44 dias das eleições...

Sobre a pesquisa 1

A pesquisa do Instituto França, registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o nº SE - 01719/2018, mostra que Valadares Filho (PSB) se mantém na liderança, mas tem Eduardo Amorim (PSDB) na cola e Belivaldo Chagas (PSB) crescendo e encostando nos dois.

Sobre a pesquisa 2

Já para o Senado, a pesquisa mostra Valadares (PSB) com folga na liderança, com 23,3% das intenções de voto. E disputando a segunda vaga André Moura (PSC) com 18,3%, Pastor Heleno (PRB) com 17,1% e Jackson Barreto (MDB) com 15,2%. Com relação a outras pesquisas, André foi o candidato que mais cresceu.

Campanha cidadã 1

O ex-deputado federal João Fontes revela à coluna que, como cidadão, terá uma participação efetiva na campanha eleitoral deste ano. Diz que vai gravar vídeos e lançar nas redes sociais defendendo a "renovação política do estado e protestando contra as capitanias hereditárias".

Campanha cidadã 2

"Sergipe não aguenta mais pessoas com mais de 50 anos na política, que quebraram o estado e não tem nada a apresentar. Não podemos permitir a continuidade da capitania hereditária, o bolsa família com filho e mulher, e salário de R$ 120 mil juntando aposentadoria", afirmou João Fontes.

Campanha cidadã 3

"Vou ajudar o povo a se decidir, a pensar pela renovação política e para se libertar de quem passou tanto tempo na política", declarou o ex-deputado, enfatizando que na eleição deste ano estará longe do "pecado da omissão".

Na lista de impugnação 1

Na lista de 13 pedidos de impugnação de registro de candidatura feita pelo Ministério Público Federal (MPF) junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) constam candidatos da chapa majoritária de Eduardo Amorim, Valadares Filho, Belivaldo Chagas e Dr Emerson.

Na lista de impugnação 2

Pela chapa majoritária de Eduardo, a procuradora regional eleitoral, Eunice Dantas, pede a impugnação do candidato a vice-governador Ivan Leite (PRB) por contas rejeitadas pelo TCE quando foi prefeito de Estância; e de Aguinaldo de Verso (PR), 1º suplente de André Moura, por condenação criminal transitada em julgado - crime contra o patrimônio, na modalidade de usurpação.

Na lista de impugnação 3

Na chapa majoritária de Belivaldo Chagas o pedido de impugnação foi para o registro de candidatura do candidato a senador Rogério Carvalho (PT), por condenação em ato de improbidade administrativa em segundo grau quando foi secretário de Saúde em 2007.

Na lista de impugnação 4

Já na chapa majoritária de Valadares Filho o pedido de impugnação do MPE foi para o primeiro suplente de senador de Henri Clay (PPL), o Cláudio Geriatra (PPL), por contas rejeitadas pelo TCE da Secretaria de Saúde e Saneamento de Itabaiana em 2008.

Na lista de impugnação 5

O MPF também pediu a impugnação de candidato majoritário da chapa de Dr Emerson. Foi o 2º suplente do candidato a senador Alexsandro Vieira (Rede), o Major Ildomário (Rede), por não desincompatibilização da vice-presidência da Associação dos Militares de Sergipe - AMESE.

Na lista de impugnação 6

Ainda na lista de pedido de impugnação do registro de candidatura os deputados estaduais Luciano Bispo (MDB), por condenação por ato de improbidade administrativa em segundo grau quando foi prefeito de Itabaiana, e Goretti Reis (PSD), por contas rejeitadas pelo TCU quando foi secretária de Saúde de Lagarto.

Na lista de impugnação 7

Também na lista o ex-prefeito Sukita (PTC), candidato a deputado federal, e o vereador Vardo da Loteca (PTB-Itabaiana), candidato a deputado estadual. A impugnação de Sukita é por condenação criminal transitada em julgado, condenação criminal em segundo grau, condenação por improbidade administrativa e contas rejeitadas pelo TCU e TCE. Já Vardo por analfabetismo.

Na lista de impugnação 8

O MPF também pediu a impugnação do candidato a deputado federal José Luiz da Mota Cruz, registrado como o Luizão Dona Trampiu, por condenação criminal transitada em julgado por homicídio culposo e lesão corporal culposa na direção de veículo automotor.

Ficha Limpa 1

Dez das 13 ações de pedido de impugnação de registro de candidatura feitas pelo MPE foram baseadas na Lei da Ficha Limpa, que impede pessoas que tenham condenação transitada em julgado ou em segundo grau, ou contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado ou da União de se candidatar nas eleições. Os candidatos têm até o dia 17 de setembro para recorrer.   

Ficha Limpa 2

Em balanço parcial sobre as eleições, o MPF (Ministério Público Federal) divulgou que já foram apresentadas 310 ações com pedido para barrar registros de candidaturas com irregularidades. Segundo o MPF, até o dia 20 de agosto, foi encontrado um total de 1.077 candidaturas com suspeitas de irregularidades e, por isso, o número de ações para impedir o registro dessas candidaturas pode crescer. A maioria das ações (57,5%) se refere a casos de inelegibilidade previstos pela Lei da Ficha Limpa.

Morre ex-prefeito

O ex-prefeito de Telha, Luciano Grande, faleceu na madrugada dessa sexta-feira, em Barretos, São Paulo. Ele sofreu parada cardiorrespiratória.  A Prefeitura decretou luto oficial de três dias e  adiou a festa da padroeira a ser realizada hoje e amanhã no município.

Veja essa ...

A prefeita de Capela, Silvany, já decidiu que não votará no ex-marido Sukita depois de suas declarações públicas sobre sua vida pessoal. Fechou apoio ao candidato a reeleição de deputado federal Adelson Barreto (PR).

Curtas

Na agenda de hoje do candidato Mendonça Prado consta, às 8h, visita a feira, comício e mini-carreata em Itabaianinha; às 15h, caminhada nas ruas dos povoados Jenipapo e Brasília, em Lagarto.

No domingo, às 10h, Mendonça participa de caminhada pela orla da Atalaia, e à tarde, às 15h, de caminhada no Conjunto Jardins e Parque dos Faróis.

Consta neste sábado na agenda do candidato a governador Eduardo Amorim uma carreata na região centro-sul do estado, saindo às 8h de Tobias Barreto e passando por Itabaianinha, Arauá, Pedrinhas, Boquim, Colônia 13 e Lagarto.

Belivaldo Chagas também fará mini-carreata hoje, no alto-sertão. A partir das 9h ela sairá de Canindé do São Francisco, passando por Poço Redondo, Povoado Santa Rosa do Ermírio/Poço Redondo, Monte Alegre, Porto da Folha, Gararu e Nossa Senhora de Lourdes.

No domingo Belivaldo terá encontro com lideranças em Graccho Cardoso, às 9h. Às 14h, participará de mini-carreata nos povoados de Itabaiana: Lagamar, Serra, Barra Preta, Bom Jardim, Zanguê e Agrovila. Encerrará às atividades em um comício no bairro Bananeiras, em Itabaiana.