Leandro Campos já deixou o Itabaiana

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O treinador diz que queria ficar, mas por problemas familiares terá que deixar o Itabaiana
O treinador diz que queria ficar, mas por problemas familiares terá que deixar o Itabaiana

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 16/04/2018 às 23:35:00

 

Leandro Campos não 
é mais treinador do 
Itabaiana. O vínculo dele com o clube era até o fim do Campeonato Sergipano, mas era desejo da diretoria tricolor tentou renovação.Mas o treinador alegou que, por questões pessoais, não poderá ficar. Leandro demonstrou uma certa decepção com a perda do segundo título para o Sergipe.
- Na verdade, quando eu acertei com o Itabaiana para o estadual, eu só vim compromissado com o Campeonato Sergipano. Agradeço à diretoria do Itabaiana, a qual eu sou muito grato, em querer permanecer comigo, mas eu fiquei impossibilitado por problemas familiares e eu não poderei continuar o trabalho aqui no Itabaiana. Eu já tinha mais ou menos avisado para a direção com relação a esses problemas - disse Leandro Campos.
Esta foi a segunda passagem de Leandro Campos pelo comando do Itabaiana. Em 2016 ele também perdeu o título para o Sergipe e, no segundo semestre, quase levou o Tremendão para a Série C. Na atual temporada, ele chegou antes do início do hexagonal, levou o time à decisão, contudo, mais uma vez a equipe da serrana foi vice para os colorados.
- Eu espero que o Itabaiana, mesmo com a minha saída, siga aí uma boa competição, uma boa Série D do Brasileiro e nós vamos ficar de longe torcendo para que dê tudo certo para o Itabaiana que é um clube que eu respeito muito, que queira ou não me abriu as portas. A vontade de ficar era muito grande, só que infelizmente eu estou com problemas familiares e eu preciso estar presente neste momento importante. Quem sabe a gente não volta o mais breve possível... -finalizou o treinador.
O Itabaiana estreia na Série D do Brasileiro no próximo domingo, fora de casa, contra o Santa Rita-AL. A diretoria do clube vai ao mercado em busca de um nome para substituir Leandro Campos.

Leandro Campos não  é mais treinador do  Itabaiana. O vínculo dele com o clube era até o fim do Campeonato Sergipano, mas era desejo da diretoria tricolor tentou renovação. Mas o treinador alegou que, por questões pessoais, não poderá ficar. Leandro demonstrou uma certa decepção com a perda do segundo título para o Sergipe.
- Na verdade, quando eu acertei com o Itabaiana para o estadual, eu só vim compromissado com o Campeonato Sergipano. Agradeço à diretoria do Itabaiana, a qual eu sou muito grato, em querer permanecer comigo, mas eu fiquei impossibilitado por problemas familiares e eu não poderei continuar o trabalho aqui no Itabaiana. Eu já tinha mais ou menos avisado para a direção com relação a esses problemas - disse Leandro Campos.
Esta foi a segunda passagem de Leandro Campos pelo comando do Itabaiana. Em 2016 ele também perdeu o título para o Sergipe e, no segundo semestre, quase levou o Tremendão para a Série C. Na atual temporada, ele chegou antes do início do hexagonal, levou o time à decisão, contudo, mais uma vez a equipe da serrana foi vice para os colorados.
- Eu espero que o Itabaiana, mesmo com a minha saída, siga aí uma boa competição, uma boa Série D do Brasileiro e nós vamos ficar de longe torcendo para que dê tudo certo para o Itabaiana que é um clube que eu respeito muito, que queira ou não me abriu as portas. A vontade de ficar era muito grande, só que infelizmente eu estou com problemas familiares e eu preciso estar presente neste momento importante. Quem sabe a gente não volta o mais breve possível... -finalizou o treinador.
O Itabaiana estreia na Série D do Brasileiro no próximo domingo, fora de casa, contra o Santa Rita-AL. A diretoria do clube vai ao mercado em busca de um nome para substituir Leandro Campos.