Estado e FIDA planejam investir R$ 25 milhões em ações produtivas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 10/02/2018 às 12:07:00

Ampliar os investimentos de R$ 15 milhões para R$ 25 milhões em 2018 e aumentar a contratação de técnicos estão dentre os principais entendimentos firmados entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri), e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA). O acordo é resultado da última missão de acompanhamento ao Projeto Dom Távora, realizada entre 5 e 8 de fevereiro, em Sergipe.

Até janeiro de 2018, o Projeto Dom Távora beneficiou 2.291 famílias de agricultores sergipanos, atendidas com 64 Planos de Negócios em 15 municípios. O investimento total é de R$ 19.495.242,69, oriundos do FIDA mais a contrapartida do Governode Sergipe. Os valores aplicados permitiram a realização de atividades produtivas locais como: piscicultura, ovinocultura, artesanato, apicultura, pecuária leiteira, agricultura irrigada e ações de educação e recuperação ambiental.

O oficial de Programa para o País Divisão da América Latina e Caribe do FIDA,  Leonardo Bichara Rocha, falou da evolução e expectativas: "O Projeto teve avanços no sentido de que mais comunidades foram conveniadas e financiadas. Temos, hoje, 64 projetos do Dom Távora nas comunidades já apoiadas, e pretendemos chegar num total de 148 que vão ser financiados este ano. Obviamente existe  muito trabalho a ser feito, mas é uma meta que o Projeto tem condições de cumprir, se dispensar os esforços necessários. Temos a certeza de que com o empenho redobrado no campo, o Dom Távora vai chegar a beneficiar todas as 6.300 famílias tidas como meta do Projeto".
De acordo com Rocha, a expectativa do FIDA é fazer todo o desembolso do Projeto este ano.