Entressafra política

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/12/2016 às 00:18:00

Rita Oliveira

 

Entressafra política

 

Em Sergipe a política vai dar uma esfriada de hoje até o início de fevereiro do próximo ano com início do recesso parlamentar na Assembleia Legislativa e nas Câmaras Municipais de Vereadores. Assim como com o recesso do Judiciário.

Até o final de ano haverá apenas negociações de bastidores sobre a formação do secretariado dos prefeitos eleitos e também da eleição da Mesa Diretora das Câmaras de Vereadores para o biênio 2017/2018.

Dia 1º de janeiro os prefeitos e vereadores eleitos assumem seus mandatos, mas somente os gestores começam a trabalhar já no dia 02. Já os vereadores só em fevereiro, após o recesso parlamentar, assim como os deputados estaduais.

Na segunda quinzena de janeiro haverá novidades com a reforma administrativa, quando o governador Jackson Barreto (PMDB) anunciará alguns nomes que vão passar a compor o primeiro e segundo escalão do seu governo.

Hoje JB tem na cabeça a mudança de seis secretarias, sendo a única conhecida de todos que é a da Fazenda, pelo fato do secretário Jefferson Passos deixar o comando da pasta no final do ano para assumir a Secretaria Municipal da Fazenda na gestão do prefeito eleito Edvaldo Nogueira (PCdoB).

Até alguns programas de rádio, que costumam fazer muito barulho político pela manhã, vão entrar em recesso a partir dessa segunda-feira.

A grande expectativa neste final de ano, na capital, tem a ver com a possibilidade do prefeito João Alves Filho (DEM) convocar extraordinariamente os vereadores para votar um projeto de lei de aumento da tarifa do transporte coletivo para 2017.

Isso porque o então vereador Acácio do Augusto Franco (PSDB) fez uma grave denúncia de que um vereador ofereceu a ele R$ 50 mil para votar a favor do aumento da passagem de ônibus. Ressaltou que essa negociação estava ocorrendo na Câmara e que na Justiça dirá o nome do vereador que tentou cooptá-lo a favor dos empresários de ônibus.

Agora é aguardar esse período de maré mansa e esperar que todos os políticos realmente entrem no clima natalino, dando uma folga para os ataques pessoais...

.........................................................................................

 

Vai faltar Lexotan

Chegou à coluna a informação de que o Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária (Deotap) e o Ministério Público do Estado iniciaram uma nova investigação junto a secretários municipais com relação à utilização de altos recursos no período eleitoral. Não estão investigando prefeitos por não terem essa autonomia. Os secretários estariam todos grampeados. Agora é aguardar novos escândalos de corrupção na gestão pública.

 

Manchete policial 1

Mais uma vez o ex-prefeito Manoel Sukita (PTN) é manchete do noticiário policial. Desta vez foi acordado ontem cedo, em sua casa em Capela, pela Polícia Federal, que cumpria mandado de busca e apreensão de documentos por conta da Operação Timóteo, que visa desarticular no país uma organização criminosa investigada por um esquema de corrupção em cobranças judiciais de royalties da exploração mineral.

 

Manchete policial 2

A Polícia Federal levou da residência de Sukita cópias de escrituras dos seus imóveis. A PF também cumpriu mandado de busca e apreensão na Prefeitura de Capela e no apartamento do ex-prefeito em Aracaju. Depois, ele foi levado coercitivamente à sede da PF para prestar depoimento.

 

Manchete policial 3

Sukita atribui à perseguição política dos adversários a tentativa de envolvimento em mais um esquema de corrupção. Ressaltou que o escritório de advocacia envolvido na Operação Timóteo prestou o serviço para recuperação dos royalties referente à Carnalita para Capela, tendo alcançado o êxito esperado.

 

No Baixo São Francisco 1

Por conta do Projeto Dom Távora, o governador Jackson Barreto (PMDB) voltou ontem a municípios do interior do estado para levar investimentos de combate à seca. Esteve em Pacatuba, Ilha das Flores e Santana do São Francisco anunciando investimentos de R$ 1 milhão.

 

No Baixo São Francisco 2

Do governador ontem sobre o Dom Távora: “Esses investimentos vêm para transformar a vida do pequeno produtor. Significa uma injeção na veia de toda a produção da região. Definitivamente, não estamos apenas dando o peixe, estamos ensinando a pescar para que não falte nunca!”

 

Preocupados

Lideres da oposição em Sergipe estão de orelha em pé com a movimentação do governador em municípios do interior e junto aos prefeitos eleitos e reeleitos. Principalmente pela possibilidade dele vir a disputar o Senado e se fortalecer ainda mais para eleger seu sucessor. Um parlamentar de oposição confessou isso à coluna.

 

Posse

A posse do prefeito eleito Edvaldo Nogueira (PCdoB) e da vice Eliane Aquino (PT) será no dia 1º de janeiro, às 17h, no Tribunal de Justiça de Sergipe. Já a dos vereadores ocorrerá às 15h, também no TJ.

 

Eleição da Mesa 1

Logo após serem empossados, os 24 vereadores vão se reunir e eleger a nova Mesa Diretora da Câmara de Aracaju para o biênio 2017/2018. Em seguida, darão posse a Edvaldo e Eliane.

 

Eleição da Mesa 2

Hoje, pela base aliada do prefeito eleito, dois nomes são os mais fortes para a presidência da Câmara: Evando Franca, que vai para o sétimo mandato de vereador, e Nitinho, que foi reeleito vereador em 02 de outubro. Os dois são do PSD e tem o apoio do presidente estadual do partido, o deputado federal Fábio Mitidieri.

 

Preferência 1

Segundo um vereador, um desses dois terá o apoio de Edvaldo Nogueira. Garantiu à coluna que o prefeito eleito teria admitido para companheiros que só não apoiaria para presidente os aliados: Iran Barbosa (PT), Antônio Bittencourt (PCdoB) e Isaac (PCdoB).

 

Preferência 2

Antônio Bittencourt, que é do mesmo partido de Edvaldo, pode ser líder do prefeito na Câmara ou secretário Municipal de Educação. Na gestão anterior de EN, Bittencourt foi seu secretário da Educação.

 

Candidatos pela oposição

Pela oposição, quem continua articulando sua candidatura a presidente da Câmara é o atual presidente Vinícius Porto (DEM) e o vereador Elber Batalha (PSB). Os dois esperam contar com os votos da oposição.  

 

Na Alese 1

Os deputados estaduais entraram em recesso parlamentar ontem após aprovação do Orçamento do Estado do exercício de 2017, estimado em R$ 8,7 bilhões, e alguns projetos de lei do Poder Executivo.

 

Na Alese 2

Entre os projetos aprovados o que recria a Secretaria de Esporte, Lazer e da Juventude (SEEL); o que reestrutura a Carreira de Auditor Fiscal de Sergipe; o que cria a Carreira de Auditor Técnico de Tributos; e o que altera a lei do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI), criando o Fundo de Apoio à Industrialização (FAI).

 

Na Alese 3

Foi aprovado ainda pelos deputados o Projeto de Decreto Legislativo que autoriza viagem internacional em 2017 para o governador Jackson Barreto (PMDB) e o vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB). E projeto que trata de reajuste salarial dos servidores do Judiciário.

 

Na Alese 4

A votação polêmica foi com relação ao projeto que permite o remanejamento de recursos do Proinveste para algumas obras. O projeto foi aprovado por 13 a 8.

 

Veja essa...

Parece que não são somente os prefeitos do PSB que podem apoiar o governador Jackson Barreto. Nomes do PSC já reconhecem o trabalho da gestão estadual e tecem elogios a JB, como fez o prefeito reeleito de Ilha das Flores, Cristiano Beltrão, ontem, durante ampliação do Dom Távora no município. "Estivemos em palanques diferentes, mas a política fica na campanha. O senhor é um amigo, homem de palavra, que promete e faz. A parceria com o Governo do Estado é essencial para o desenvolvimento de Ilha das Flores", disse Cristiano.

 

...e essa...

 

Em seu discurso no município de Ilha das Flores, o governador agradeceu ao prefeito Cristiano Beltrão e reiterou que está aberto para novos apoios. “As portas do governo do Estado estão abertas para todos os prefeitos. Estamos aqui para somar. O Dom Távora é um projeto que objetiva estimular produtores e associações rurais, queremos melhorar a qualidade de vida dessas pessoas”.

 

CURTAS 

 

O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) recebeu o Prêmio do Mérito Legislador, concedido pelo IDELB (Instituto de Estudos Legislativos Brasileiros).

 

Ontem Valadares e o deputado federal Valadares Filho (PSB) visitaram o vice-governador de São Paulo, Márcio França (PSB), no Palácio dos Bandeirantes.

 

A vice-prefeita eleita Adriana Leite (Estância-PRB) deve ser candidata a deputada estadual em 2017. Ela é mulher do ex-prefeito Ivan Leite (PRB).

 

Vários prefeitos, vice-prefeitos e vereadores foram diplomados ontem em municípios do interior do estado. Entre os diplomados a prefeita de Riachuelo, Cândida Leite, e o vice Daniel Rezende. A diplomação, pela Justiça Eleitoral, dos eleitos em 02 de outubro vai até essa segunda-feira, 19.

 

O professor Anderson Góis (PRB), no rápido mandato como vereador, conseguiu fazer tramitar e aprovar em primeira votação um plano municipal voltado para ciência e tecnologia. Foi o PL 194/16, que cria o Sistema Municipal de Inovação (SMI). Também conseguiu aprovar uma emenda ao orçamento para 2017, no valor de R$ 300 mil. 

............................................................. 

Em conversa com a coluna, o presidente da Câmara Municipal, Vinícius Porto, garante que não disputa o comando do DEM em Sergipe com o vereador Juvêncio Oliveira e que está muito satisfeito com o prefeito João Alves na presidência do partido. “João Alves vai sair da prefeitura e voltar para comandar o DEM”, afirma.

Com relação à possibilidade de disputar a Assembleia Legislativa em 2018, Vinícius disse que vai verificar. “Estou disposto a enfrentar o desafio. O DEM não tem hoje um deputado estadual. Não vou fugir do desafio”.