Sem influências do mensalão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Grande despacho de macumba no Capucho, próximo ao Tribunal Regional do Trabalho (TRT) em Aracaju. Com tanto bode preto sacrificado e com cabeças decepadas, será que foi algum candidato querendo ganhar as eleições a qualquer custo?
Grande despacho de macumba no Capucho, próximo ao Tribunal Regional do Trabalho (TRT) em Aracaju. Com tanto bode preto sacrificado e com cabeças decepadas, será que foi algum candidato querendo ganhar as eleições a qualquer custo?

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 03/08/2012 às 03:03:00

O presidente da Câmara dos Deputados, deputado Marco Maia (PT-RS), disse ontem que o julgamento do mensalão não mudará o ritmo de trabalho dos deputados. "Não muda absolutamente nada no rito da Câmara dos Deputados com o julgamento do mensalão. Pelo contrário, vamos continuar fazendo o debate, a discussão da melhor forma possível, para continuar ajudando o governo a desenvolver o Brasil."

 "Vi que muitas pessoas estão preocupadas com quem está ou não está vendo e digo que o julgamento do mensalão, nesta fase que ele está, é para jornalista e aqueles que não têm absolutamente mais nada para fazer das suas vidas", acrescentou o presidente da Câmara dos Deputados.

Ele, inclusive, ironizou parlamentares da oposição que se reuniram para assistir o julgamento na sala de reuniões da Secretaria-Geral da Mesa da Câmara. "Quero mandar um recado para eles [oposição]: enquanto eles estão lá reunidos assistindo, estou com umas conversas e reuniões para liberar as emendas da oposição que, na minha avaliação, são importantes para os municípios que eles representam."

Maia, que ressaltou a importância do resultado do julgamento para a democracia do país, disse que ele próprio não vai parar seu trabalho para acompanhar pela TV o julgamento, voto a voto. O presidente da Câmara disse que vai se informar sobre o julgamento pelos jornais. "Estou preocupado com o país, articulando as votações na Câmara para a próxima semana, tratando sobre temas importantes. Não tive tempo de acompanhar ou saber o que está acontecendo com o mensalão". (Com Agência Brasil)

Nota 1
O presidente municipal do PSB, Elber Batalha Filho, saiu ontem com nota pública visando colocar sua posição sobre o pedido judicial de reconhecimento de justa causa para a desfiliação do partido ajuizado pelo deputado Adelson Barreto, que, insatisfeito com o tratamento dispensado pelo partido, deseja vir a presidir outra legenda. Diz que em nenhum momento afirmou que o PSB pedirá o mandato do parlamentar e que considera o deputado um "valoroso companheiro de partido e sua permanência engrandece a nossa sigla".

Nota 2
Na nota, Elber afirma que discorda veementemente da tese argüida por Adelson de  justa causa para sua desfiliação, "uma vez que o nobre parlamentar sempre foi e é tratado com toda consideração  e cordialidade por todos os membros do nosso partido".

Nota 3
Diz ainda a nota: "No que couber ao Diretório Municipal nada faremos para encaminhar à Justiça Eleitoral qualquer pedido de perda de mandato, mas somos de opinião que sendo intimado, como foi o Diretório Estadual, este deverá responder ao chamamento do Poder Judiciário  encaminhando a sua resposta dentro do respeito que sempre norteou a relação do PSB com o deputado Adelson Barreto".

Adelson
Com relação à declaração de Elber Batalha de que o partido faria de tudo para não perder um deputado, Adelson chegou a declarar ontem à coluna: "Se Elber entender que deve tomar o mandato do deputado estadual mais votado pelo povo e que já foi muito prejudicado pelo partido, que faça. Fique à vontade".

Deferido 1
A juíza da 2ª Zona Eleitoral, Ana Bernadete, deferiu anteontem a candidatura de João Alves Filho (DEM) a prefeito de Aracaju. A impugnação foi solicitada pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), no último dia 17 de julho, por conta de falha na entrega da documentação no prazo previsto pela legislação eleitoral [5 de julho] pela coligação "A Força do Povo".

Deferido 2
O candidato a prefeito de Lagarto, Lila Fraga (PSDB), também teve a sua candidatura deferida pelo juiz eleitoral da comarca de Lagarto, Leonardo Santana Almeida. A candidatura estava sendo questionada por causa de desvio no fundo partidário, cuja dívida Lila já tinha negociado.
Acese
João Alves Filho será o primeiro candidato a prefeito a participar do Almoço com Negócios da ACESE. No próximo dia 10, no Mercure Hotel, o demista abrirá a rodada de eventos onde serão recebidos três dos cinco candidatos a prefeito da capital sergipana. Os candidatos Valadares Filho (PSB) e Almeida Lima (PPS) serão os convidados dos dias 17 e 31, respectivamente.

Mobilização
O presidente estadual do PT, deputado federal Rogério Carvalho, reuniu ontem a militância ligada à área da Saúde e alguns membros da juventude que militam junto ao mandato para discutir ações de apoio e sugestões de mobilização para a candidatura de Valadares Filho (PSB) e Conceição Vieira (PT) a prefeito e vice-prefeita de Aracaju respectivamente. As sugestões discutidas na reunião, como grande ato de campanha, panfletagens e adesivação, serão apresentadas aos candidatos.

Justificativa
O prefeito Fábio Henrique (PDT/Socorro) justificou ontem que vai para a reeleição porque muitos de seus projetos não puderam ser colocados em prática, não pela falta de capacidade, mas pelos trâmites burocráticos do serviço público. "Coloquei o meu nome novamente para que eu possa concluir os projetos que tenho, que estão em andamento e para fazer ainda mais pelos socorrenses", disse.

Com Lula
O governador Marcelo Déda (PT) participou ontem, em São Paulo, da homenagem ao ex-presidente Lula pela União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) e pela Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio), que comemoram cinco anos de atuação. A homenagem foi pela visão estratégica de Lula ao criar o Programa Nacional do Biodiesel, que na avaliação de Déda é "bom para a economia, meio-ambiente e inclusão social".

Satisfação
O governador comemorou a boa forma do ex-presidente, compadre e amigo acometido este ano por um câncer na laringe. "O velho Lula na tribuna em plena forma: bom humor, memória privilegiada, foco político. A voz está melhor e aspecto geral é ótimo!", disse.
Biodisel
Durante a estadia em São Paulo, Marcelo Déda reuniu-se com o presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto, e discutiu a possibilidade de ampliação da produção de biodiesel em Sergipe, a partir do aumento do cultivo de girassol e de outras oleaginosas. "Também apresentei reivindicação para ampliar o programa em Sergipe", complementou o governador.

Gilton
Ainda em São Paulo o governador Déda visitou o ex-governador do Amapá e ex-deputado federal por Sergipe, Gilton Garcia, no Hospital Sírio Libanês. Transmiti à sua família votos de pleno restabelecimento. Gilton encontra-se em coma induzido vítima de uma meningoencefalite bacteriana.

Estância
Nesta sexta-feira o senador Eduardo Amorim (PSC) faz campanha em Estância. Vai participar de corpo a corpo ao lado do candidato a prefeito daquele município, deputado estadual Gilson Andrade (PTC). Segundo o prefeiturável, a presença do senador é muito importante nestes primeiros dias da caminhada eleitoral. "Estamos muito satisfeitos com as constantes demonstrações de carinho do povo estanciano", diz Gilson. Ele garante que o apoio do prefeito Ivan Leite (PSD) tem sido fundamental para o visível crescimento da campanha.

Veja essa...
Do empresário Fausto Sobral ontem, no programa de George Magalhães, sobre algumas acusações do prefeito e candidato à reeleição César Mandarino (PSC/Itaporanga): "Eu dou um prêmio agora de R$ 50 mil a quem me disser onde é a casa do prefeito César Mandarino na sede de Itaporanga". O empresário apóia a adversária do prefeito Gracinha (PSDB).

Curtas
A candidata a prefeita Vera Lúcia (PSTU) participou ontem, às 15h, de reunião com a coordenação da campanha, na sede do partido, no conjunto Orlando Dantas.

Valadares Filho (PSB) concedeu ontem de manhã entrevista no programa de Jairo Alves, na rádio Cultura. Às 18h30, o candidato fez caminhada na Veneza e Loteamento Planalto.

O candidato João Alves Filho (DEM) almoçou com funcionários da Fábrica Trust North e às 19h30 se reuniu no bairro Soledade.

Almeida Lima (PPS) concedeu pela manhã entrevista ao programa de Evenilson Santana, na Liberdade FM, e às 13h, entrevista na TV Cidade com Carlos Batalha. Às 15h o candidato participou de panfletagem e colagem de adesivos no cruzamento das avenidas Silvio Teixeira e Pedro Valadares. Às 20h, foi entrevistado no Cabaré de 5º no Meu Buteco.

Já o candidato Reynaldo Nunes (PV) participou, às12h30, de entrevista à Rádio Comércio.