Sem preocupação

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Deu muito no que falar ontem uma roda política que foi formada em Itabaiana, quando da inauguração da reforma e ampliação do tradicional Colégio Murilo Braga. Estavam conversando os adversários políticos: os aliados, o governador Jackson Barreto e o presi
Deu muito no que falar ontem uma roda política que foi formada em Itabaiana, quando da inauguração da reforma e ampliação do tradicional Colégio Murilo Braga. Estavam conversando os adversários políticos: os aliados, o governador Jackson Barreto e o presi

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 14/08/2015 às 00:44:00

Deu muito no que falar ontem uma roda política que foi formada em Itabaiana, quando da inauguração da reforma e ampliação do tradicional Colégio Murilo Braga. Estavam conversando os adversários políticos: os aliados, o governador Jackson Barreto e o presidente da Assembleia Legislativa, Luciano Bispo (PMDB), com os adversários, o prefeito Valmir de Francisquinho (PSC) e a deputada estadual Maria Mendonça (PP). 

Sem preocupação

O governador Jackson Barreto (PMDB) viaja nesta sexta-feira à tarde para São Paulo, onde se submeterá a uma cirurgia no tendão do pé esquerdo, que vem provocando muitas dores desde antes da campanha eleitoral de 2014. Antes, pela manhã, se reunirá, às 9h, no Palácio de Veraneio, com o primeiro, segundo e terceiro escalão do governo para entregar o Plano Estratégico que vai definir as ações dos órgãos do Estado até o final de 2018.
Antes de embarcar, passará o cargo para o vice-governador Belivaldo Chagas (PSB), que deverá ficar à frente do governo por cerca de 30 dias. Jackson passará 10 dias em São Paulo, para revisão da cirurgia, depois retornará a Sergipe para sua recuperação em casa.  

Quem conhece Jackson sabe que, inquieto como é, não ficaria longe do Estado por tanto tempo. Em Sergipe, mesmo de molho, pois não poderá colocar o pé operado no chão, acompanhará de perto as ações do governo, principalmente no que diz respeito à questão salarial e ao andamento da crise econômica.
Neste período que ficará afastado do governo, Jackson não terá que se preocupar com os atos administrativos do seu vice Belivaldo Chagas pela grande confiança que deposita nele. JB tem a melhor das relações políticas com Belivaldo, que inclui lealdade, respeito e companheirismo.

Ele também não terá que se preocupar muito com a oposição na Assembléia Legislativa. Os deputados de oposição estão sem força para fazer críticas contundentes ao governo, por conta do escândalo das verbas de subvenção da Alese, que já levou à prisão o ex-deputado estadual Mundinho da Comase (PSL), um dos 24 deputados do início da legislatura passada que está na lista da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE), com acusação de ter cometido alguma irregularidade da distribuição da subvenção em 2014, ano de eleição.

Os que se encontram na lista da PRE e foram reeleitos estão mais preocupados com o andamento das investigações. Muitos estão temendo, inclusive, acordarem às 6 da manhã com a polícia em sua porta para levá-los presos por alguma denúncia, infundada ou não, do mau uso da verba de subvenção.
Aqueles que realmente têm culpa no cartório estão mais temerosos ainda com o que pode vir. Já os que não têm desejam apenas que a justiça e a polícia consigam logo concluir as investigações para que se possa separar o joio do trigo, uma vez que todos os deputados foram colocados na mesma vala e estão hoje sob suspeita de terem cometido irregularidades no repasse das subvenções.

O interino
Em conversa ontem com a coluna, o governador Jackson Barreto (PMDB) disse que se ausentará do comando do estado na certeza de que estará em boas mãos com o seu vice Belivaldo Chagas (PSB). "Belivaldo é um belo companheiro, muito leal e correto. Nós temos uma integração perfeita e consciência plena das nossas responsabilidades e das dificuldades do governo. Há um entrosamento perfeito nas nossas ações tanto a nível pessoal quanto a nível de administração e com secretários. As coisas fluem de modo natural porque acima de tudo existe a confiança mutua entre nós dois. O estado está muito bem entregue".

Expectativa
Segundo Jackson, a sua cirurgia será na próxima terça-feira pela manhã. Disse que espera retornar ao comando do estado dentro de 20 a 25 dias após o procedimento cirúrgico. "A cirurgia pode parecer simples, mas como é no pé tem de ter repouso. Haverá dificuldades para andar", afirmou, enfatizando que tudo dependerá do processo de recuperação e que já no final da próxima semana deverá estar retornando a Sergipe.

Sofrimento
Jackson admitiu que estava andando com dificuldade e fazendo um grande esforço físico para cumprir agenda na capital e interior. Estava sentindo dores, mesmo sob medicação. Pela manhã, foi a convenção Municipal do PMDB, em Aracaju, e de lá seguiu para Itabaiana para inauguração da reforma e ampliação do Colégio Murilo Braga e depois foi a São Domingos e Campo do Brito inaugurar obras.

Reeleito  
O deputado estadual Garibaldi Mendonça foi reeleito ontem presidente municipal do PMDB, durante Convenção Municipal. Várias lideranças peemedebistas foram votar em Garibaldi, que concorreu com chapa única, a exemplo do governador Jackson Barreto, do secretário Benedito Gama, do deputado estadual Zezinho Guimarães e do ex-senador Almeida Lima.

Ponto de vista 1
Em conversa com a coluna, Garibaldi, que coordenará a sucessão municipal em 2016 pelo PMDB, defendeu que o seu partido tenha candidatura própria a prefeito de Aracaju. "Cada partido precisa se fortalecer não só em Aracaju, mas em todo o Estado. E a capital é uma grande referência. Não é porque temos o governo que não podemos ter o prefeito da capital. Vou lutar para isso", disse, enfatizando que o PMDB tem bons nomes para a PMA como o deputado estadual Robson Viana e o secretário de Planejamento, o ex-prefeito João Augusto Gama.

Ponto de vista 2
Na sua avaliação, isso não dificultará entendimentos com aliados da base do governo por achar que todos os partidos têm direito a ter candidato próprio a prefeito visando o seu fortalecimento. Enfatizou que como presidente reeleito do PMDB em Aracaju o seu primeiro ato será atrair novos filiados para o partido, uma vez que o prazo para filiação partidária acaba no final de setembro.

Poder de convencimento
Foi o secretário de Governo, Benedito Figueiredo, quem convenceu Garibaldi Mendonça a disputar a reeleição. Argumentou que era preciso a continuidade, até pela sua ligação com Aracaju e por sempre ter sido bem votado na capital. Bené, inclusive, acha o nome do parlamentar bom para disputar a prefeitura da capital em 2016.

Proposta
O deputado estadual Zezinho Guimarães (PMDB) sugeriu ontem ao governador Jackson Barreto, durante Convenção Municipal do PMDB, que mandasse para a Assembleia Legislativa projeto de lei pedindo autorização para a venda de imóveis do Estado que não estão sendo utilizados para que os recursos arrecadados possam ser utilizados para abater o déficit da previdência social, que este ano chegará a R$ 950 milhões. Segundo ele, os recursos iriam todos para a Previdência. JB achou pertinente a sugestão, que já foi adotada pelo prefeito João Alves Filho (DEM) para pagamento de dívidas da PMA.

Entendimento
"Defendo que desmobilize o que não tem utilidade para o Estado e não serve para nada. É o patrimônio do Estado servindo ao povo e sendo utilizado em seu benefício. O governo precisa apenas fazer o procedimento de forma séria e correta, tendo, inclusive, a fiscalização do Tribunal de Contas do Estado e do Ministério Público", avalia Zezinho, que chegou a sugerir que o Estado vendesse uma área no centro comercial de Nossa Senhora da Glória, que na sua concepção deve valer de R$ 3 a 4 milhões.
 
Esclarecimento 1
O presidente do Tribunal de Contas do Estado, Carlos Pinna, em conversa com a coluna sobre nota publicada ontem de que em tempos de crise o TCE havia comprado oito carros novos de passeio, disse que nesse período à frente do órgão nunca comprou esse tipo de veículo. Garante que foram adquiridos oito veículos utilitários para serem utilizados por funcionários durante trabalho de inspeção nos municípios, inclusive por procuradores, visando que tenham mais segurança e qualidade de trabalho.
Esclarecimento 2
Revela que colocou 22 veículos pequenos, com mais de cinco anos, para leilão e o dinheiro arrecadado comprou os oito novos veículos, pagando somente a diferença, o que foi uma solicitação do sindicato. "O carro que utilizo ainda é um C4 Palas, de cinco anos, comprado ainda por Reinaldo Moura. Meu carro pessoal é melhor", afirmou, enfatizando que não "tem luxo no TCE".

No PEN
O deputado estadual Capitão Samuel já comanda o PEN. Ele, inclusive, está em Brasília preparando sua transferência do PSL para o PEN e ficará no aguardo da definição da "janela de 30 dias", a ser confirmada no que chamam de reforma política, para mudar oficialmente de partido.

Sobre o nome
Do suplente de vereador Anderson Gois (PRB) ao ser questionado sobre quem acha o melhor candidato da base aliada do governador Jackson Barreto (PMDB) para enfrentar o prefeito João Alves (DEM) em 2016: "O bom do grupo liderado pelo governador é que há ótimas opções. Feliz o agrupamento que tem Edvaldo Nogueira, Valadares Filho, Eliane Aquino e Ana Lúcia. No momento oportuno as coisas vão se definir e sob a liderança do deputado federal Jony Marcos e do prefeito Heleno Silva nosso PRB vai se posicionar".

Veja essa...
O presidente da Federação do Comércio de Sergipe (Fecomércio), deputado federal Laércio Oliveira (SDD), demitiu anteontem 74 funcionários entre o Sesc e o Senac alegando problemas de ordem financeira. Na leva dos demitidos tinha pessoas com mais de 25 anos de serviço, já prestes a se aposentar. 

Curtas
O presidente do TCE, Carlos Pinna, está satisfeito com o fato de ser realizado hoje, no auditório do TCE, o Seminário Estadual sobre a Lei das Licitações em Sergipe, no qual é um dos palestrantes.

O evento, que é coordenado pelo deputado federal Fábio Mitidieri (PSD), terá a participação do presidente e do relator da Comissão Especial "Lei de Licitações" da Câmara dos Deputados, Carlos Marun (PMDB/MS) e Mário Heringer (PDT/MG) respectivamente.

O vereador Iran Barbosa (PT), líder da oposição na Câmara Municipal, criticou ontem a aprovação do projeto do Poder Executivo que autoriza a Prefeitura de Aracaju a vender 45 lotes em terrenos contíguos na região da Coroa do Meio. O projeto foi aprovado por 15 x 5.

O ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, estará hoje em Sergipe participando da solenidade de entrega das 144 unidades do Programa Minha Casa Minha Vida, destinado às famílias com renda de até R$ 1,6 mil. A solenidade será às 15h30 e contará com a presença do prefeito João Alves.