Vale tudo

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 16/09/2014 às 00:11:00

Estamos a 19 dias das eleições de 5 de outubro para presidente, senador, deputado federal e deputado estadual. Com pouco mais de duas semanas para o pleito, a campanha eleitoral vai chegando à reta final.
Já vemos uma movimentação bem maior de rua, com a realização de grandes caminhadas e carreatas dos candidatos majoritários e proporcionais na capital e interior. Assim como panfletagens e adesivagens dos candidatos.

O final de semana dos candidatos majoritários e proporcionais foi agitado. No sábado o candidato a governador Jackson Barreto (PMDB) e os candidatos da coligação "Agora é o Povo" participaram de grande carreata por Itabaianinha, Tobias Barreto, Poço Verde e Simão Dias. No domingo, a coligação fez minicarreata no Bairro Santa Maria, no Padre Pedro, Conjunto Valadares e 17 de Março. Às 17h JB e candidatos estiveram em Propriá para um grande arrastão.

Já no sábado o candidato a governador Eduardo Amorim (PSC) e os proporcionais da coligação "Agora Sim" fizeram uma grande carreata pela região do Vale do Cotinguiba. Passaram por Laranjeiras, Riachuelo, Divina Pastora, Santa Rosa de Lima, Rosário do Catete, Maruim, Carmópolis, General Maynard, Japaratuba, Pirambu e Barra dos Coqueiros. Já no domingo, a coligação foi ao sertão sergipano: Siriri, Nossa Senhora das Dores, Cumbe, Feira Nova, Nossa Senhora da Glória, Monte Alegre, Poço Redondo e Canindé do São Francisco.

Além de campanha intensa de rua, o programa eleitoral dos majoritários esquentou. A equipe de marketing de Eduardo Amorim está seguindo a risca o que propôs os aliados na famosa reunião da terça-feira da semana passada na Central 20: partir para o ataque ao adversário Jackson Barreto, pelo fato de nessa reta final da campanha ele liderar algumas pesquisas de intenções de voto registradas no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a exemplo do Ibope em que aparece com 41% dos votos dos entrevistados contra 33% de Eduardo Amorim.    

Ontem mesmo, no programa eleitoral, o próprio Eduardo defendeu o irmão Edvan Amorim dos ataques feitos pelo adversário, disse que o candidato era ele e que Jackson deixasse de querer ganhar a eleição usando "truques baixos", que corresponde a coisas da "velha política". Acusou JB de traidor, de ter sido cassado pela Assembleia Legislativa, de fazer propaganda enganosa e pediu para que fosse comparado a sua ficha política com a de JB.

O programa de Jackson, que foi logo após o de Amorim, mostrou que bastou ele crescer nas pesquisas para começar os ataques e baixarias. Falou que não foi surpresa alguma, pelo fato da imprensa já ter anunciado que a pedido dos aliados era preciso iniciar a campanha da baixaria. Foi dito que em respeito à família o programa iria mostrar o seu trabalho por Sergipe, a importância de Sergipe continuar avançando e de ter um gestor com capacidade e visão. O programa das 13h foi colocado que "Sergipe não podia cair em mãos erradas" e com "as pessoas que querem transformar o governo em um balcão de negócios".
Nessa reta final, começou o vale tudo ...

Novo suplente
O vereador Emmanuel Nascimento (PT) renunciou ontem à sua candidatura de deputado estadual para ser suplente do candidato a senador Rogério Carvalho (PT), no lugar de Dr. Gilberto Santos. O médico teve que renunciar a 1ª suplência por haver ainda recurso pendente no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com relação a sua desincompatibilização em tempo hábil como diretor e ordenador de despesa do Hospital Cirurgia e, no caso de haver impugnação da sua candidatura, seria impugnada toda a chapa para o Senado.

1º convidado
Quando houve ação judicial relacionada à desincompatibilização do cargo de Dr. Gilberto, Rogério Carvalho chegou a convidar o ex-vereador e ex-secretário de Turismo, Elber Batalha Filho (PSB), para ser seu 1º suplente de senador. Elber chegou a aceitar, pois tinha se desincompatibilizado da Secretaria de Turismo no tempo estabelecido pela legislação eleitoral. Como Dr. Gilberto insistiu em permanecer candidato, achando que o problema seria resolvido, Elber reassumiu seu cargo na Defensoria Pública.   

2º convidado
Rogério Carvalho ligou no sábado passado para convidar novamente Elber Batalha a substituir Dr. Gilberto. Ele explicou que não podia mais por ter reassumido a Defensoria Público e indicou o vereador e médico Edney Caetano (PSB), que é candidato a deputado estadual. Só ontem à tarde, por volta das 17h, Edney informou que ia continuar como candidato a uma cadeira na Assembleia.

3º convidado
Com Edney tendo feito a opção de seguir na disputa, o convite foi formulado ao vereador Emmanuel Nascimento, que é líder do PT na Câmara. O parlamentar topou abrir mão de concorrer a Assembleia Legislativa e ontem, no início da noite, compareceu ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para renunciar a sua candidatura a deputado e fazer o registro como 1º suplente de Rogério Carvalho.  O 2º suplente de Rogério continua sendo o ex-prefeito Ivan Leite (PRB).

Fim do prazo
Pela legislação eleitoral, terminou ontem às 22h o prazo para que partido político ou coligação substituísse o candidato que teve seu registro indeferido (inclusive por inelegibilidade), cancelado ou cassado, ou ainda que renunciou ou morreu após o fim do prazo de registro.

Na campanha
Usando um chapéu de couro, que foi a sua marca quando governador de Sergipe, o prefeito João Alves participou das carreatas que o candidato Eduardo Amorim e a mulher, a senadora Maria do Carmo (DEM) realizaram no final de semana pelo interior. Assim como na visita dos candidatos a feira de Porto da Folha, ontem de manhã. Deve só ter ido trabalhar na Prefeitura de Aracaju pela tarde.

Alerta
Do vereador Valdir Santos (PTdoB) sobre a importância do voto consciente. "O voto é o bem mais precioso e democrático conquistado até hoje pelo povo brasileiro. Por isso, antes de exercer a cidadania, a população tem que analisar o que é melhor para todos".

Homenagens
A Câmara dos Deputados analisa uma série de propostas que homenageia o ex-candidato à Presidência da República pelo PSB Eduardo Campos e o ex-deputado federal Pedrinho Valadares, mortos na queda de um avião em Santos, com mais seis pessoas, em 13 de agosto passado.

Homenagem a Campos 1
O Projeto de Lei 7901/14, apresentado pelo deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE), denomina "Rodovia Governador Eduardo Campos" o trecho da BR 428 entre as cidades de Petrolina e Cabrobó, no sertão de Pernambuco. Já o Projeto de Lei 7930/14, do deputado João Caldas (SD-AL), altera o nome do aeroporto de Recife (PE) para "Aeroporto Internacional de Recife/Guararapes - Governador Eduardo Campos". Hoje, o aeroporto leva o nome do escritor e cientista Gilberto Freire.

Homenagem a Campos 2
Apensado ao PL 7930/14, o Projeto de Lei 7937/14, do deputado Gonzaga Patriota, denomina o local "Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre e Governador Eduardo Campos", mantendo, portanto, a homenagem ao escritor.
Homenagem a Pedrinho
Também tramita na Câmara o Projeto de Lei 7939/14, do deputado João Caldas, que denomina "Aeroporto Internacional de Aracaju - Pedro Valadares Neto". Segundo Caldas, o ex-deputado Pedro Valadares Neto foi um dos parlamentares que defendeu a modernização e o reequipamento do aeroporto.

E agora?
A proposta tramita apensada ao PL 6884/13, do deputado Márcio Macêdo (PT), que altera o nome do "Aeroporto Internacional de Aracaju" para "Aeroporto Internacional de Aracaju/Governador Marcelo Déda Chagas". Déda foi deputado federal por dois mandatos, tendo sido, inclusive, colega de parlamento de Pedrinho Valadares e Eduardo Campos.

Tramitação
Os dois projetos serão analisados em caráter conclusivo pelas comissões de Viação e Transportes; de Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Apoio
A campanha da candidata Dilma Rousseff (PT) divulgou a relação de um grupo de 70 artistas, intelectuais e jornalistas que apóiam a reeleição da petista à Presidência da República. A lista reúne nomes como os dos cantores e compositores Chico Buarque, Chico César, Alcione, Beth Carvalho e Leci Brandão, também deputada estadual pelo PCdoB de São Paulo. Atores como Osmar Prado, Paulo Betti, Hugo Carvana e Ângela Vieira e os escritores Luis Fernando Veríssimo, Fernando Morais e Silvano Santiago.

Veja essa...
Do candidato a vice-governador de Jackson Barreto, o ex-secretário da Educação e ex-deputado estadual Belivaldo Chagas (PSB): "Essa é uma eleição fácil de ser definida: é a luta do bem contra o mal".

Curtas
Na visita ontem a Feira de Porto da Folha, Eduardo Amorim prometeu trazer de volta o Pró-Mulher, numa versão mais moderna, e construir a estrada de acesso ao povoado Lagoa da Volta.

De Eduardo Amorim no centro de Poço Redondo, no domingo: "Não se deixem levar por propagandas enganosas, eles que representam o desgoverno, pois estão no poder. Nós vamos ter que mudar essa falta de gestão".

Na reunião ontem com os defensores públicos do Estado, em um hotel da orla, Jackson Barreto disse que tinha consciência das demandas de cada categoria. Assegurou que tudo será feito dentro do que for permitido pela LRF.

Jackson reafirmou aos defensores públicos o que vem dizendo: Ele tem condições de extinguir oito secretarias do estado sem gerar problemas para a população e cargos comissionados. O que sobraria dinheiro para investir nos servidores.

Oito vereadores de São Cristóvão e o ex-prefeito do município Isaias declararam apoio a Jackson Barreto.

O candidato a deputado federal Márcio Macêdo (PT) comemora a adesão de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, movimentos populares e da militância à sua reeleição.