Eleitoras e candidatas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 01/08/2014 às 00:11:00

rittaoliveira@jornaldodiase.com.br  -  rittaoliveira@uol.com.br

As estatísticas divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esta semana apontam que o eleitorado feminino (52,13%) é maior do que o eleitorado masculino (47,78%) com uma diferença de 4% a mais de mulheres em todas as faixas etárias (de 16 anos até 79 anos ou mais). Os dados mostram ainda que o aumento do eleitorado feminino representou 5,81% a mais em relação às estatísticas de 2010 (51,82% à época). Já o eleitorado masculino (48,07%) teve crescimento de 4,54% neste ano.

Apesar de as mulheres serem maioria do eleitorado, a participação efetiva do gênero feminino na política ainda é menor que a do gênero masculino. Para tentar mudar esse quadro, a Justiça Eleitoral vem incentivando uma maior participação das mulheres na política ao longo dos anos.

Segundo a legislação vigente, o número de candidatos deve ser de no mínimo 30% e no máximo 70% para cada gênero em todos os cargos proporcionais - deputado federal, estadual e distrital e vereador. Essa regra passou a ser disciplinada pela Lei n° 12.034/2009, a primeira minirreforma eleitoral, que, ao alterar pontos da Lei das Eleições (Lei n° 9.504/1997), tornou a presença das mulheres nas candidaturas obrigatória.
A campanha do TSE "Mulher na Política", que foi criada em março deste ano e lançada em sessão solene no Congresso Nacional, incentiva a participação feminina no cenário político do país. Em um quadro geral, atualmente, menos de 10% das candidatas ocupam cargos eletivos, número considerado baixo em relação a outros países.

O Brasil ocupa o 156° lugar em um ranking de 188 países sobre a participação feminina nos parlamentos, sendo um dos que têm a menor presença das mulheres no Poder Legislativo.  Os dados foram divulgados por meio da cartilha "+ Mulher na política: mulher tome partido", produzida pela Procuradoria Especial da Mulher no Senado Federal, com o apoio da Bancada Feminina da Câmara dos Deputados e a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara.

Em 2010, foram eleitas 45 deputadas federais, o que corresponde a 9% do total das 513 vagas existentes. E para o cargo de senador, apenas sete foram eleitas para os 54 cargos disponíveis (renovação de 2/3 dos membros da Casa), o que equivale a apenas 13% do total.
Em Sergipe, nas eleições deste ano, a professora Sônia Meire (PSTU) disputa o governo do Estado, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) tenta a reeleição, 58 mulheres são candidatas a deputada estadual e 25 disputam vaga para a Câmara Federal.

Pesquisa
Aliados do governador Jackson Barreto, candidato à reeleição, torceram o nariz com o resultado da pesquisa encomendada pela TV Atalaia ao Vox Populi. Segundo a pesquisa, Jackson teria 36% das intenções de votos e estaria em situação de empate técnico com Eduardo Amorim (PSC), que teria 34%. A professora Sônia Meire (PSTU) aparece com 4%, Betinho teria 1% e Airton da CGTB não foi citado. A TV Atalaia pertence a Augusto Franco Neto (PSDB), candidato a vice-governador na chapa de Amorim.

Discrepância
Para o Senado e presidência da República os números também não parecem mostrar a realidade. Para o Senado Maria do Carmo (DEM) teria hoje 53% das intenções contra 10% de Rogério Carvalho (PT); para a presidência os números parecem discrepantes: A presidente Dilma (PT) teria 51% das intenções de votos contra 14% de Aécio Neves (PSDB) e 8% de Eduardo Campos (PSB)

Inauguração
Finalmente acontece nesta sexta-feira a inauguração do comitê eleitoral do candidato a governador Eduardo Amorim, da coligação "Agora Sim". Denominado Central 20, o espaço será inaugurado às 17h, na avenida Ministro Geraldo Barreto Sobral, em frente ao Shopping Jardins.

Arena Amorim
No comitê haverá salas equipadas para atendimento, espaço para reunião dos grupos de panfletagem e seguradores de bandeira, stand específico para plotagem eficiente e dinâmica da comunicação visual nos carros e motos, televisões com propostas do candidato e atos políticos, e espaços arborizados ao ar livre. A suntuosidade prometida é tanta que já estão chamando de "Arena dos Amorim", em alusão à suntuosidade dos estádios de futebol construídos para a Copa no Brasil.

Participação
Lideranças políticas da capital e interior que apóiam Eduardo Amorim e candidatos da coligação marcarão presença na inauguração. Além dos demais candidatos majoritários da coligação, o vice Augusto Franco Neto (PSDB), e a candidata a reeleição para o Senado, Maria do Carmo Alves (DEM).

Inovação
Para o coordenador da campanha de Amorim, o deputado estadual Zeca da Silva (PSC), o comitê inova por ter espaço reservado para todos os envolvidos na campanha eleitoral. "A Central 20 também servirá de ponto de encontro e saída para nossos comícios e bate-papo", afirmou, enfatizando que ainda terá internet com wifii para ser usada nos dispositivos particulares.

Comparativo
Vem sendo comentado nas rodas políticas o fato da campanha de Eduardo Amorim ainda não estar nas ruas. Até hoje teve apenas uma ou duas carreatas e uma tarde de panfletagem. É feito o comparativo com a do candidato a governador Jackson Barreto, da coligação Agora é o Povo, que já está agitada com a realização de várias carreatas, mini carreatas, caminhadas, atos políticos, panfletagens e colagem de adesivos.

No Iate
Ontem mesmo, à noite, Jackson Barreto realizou um grande ato político no Iate Clube, com as presenças do vice Belivaldo Chagas (PSB), do candidato a senador Rogério Carvalho (PT), da ex-primeira-dama Eliane Aquino, e candidatos proporcionais da coligação como o candidato a reeleição de deputado federal Márcio Macedo (PT).

Atividades
Hoje à tarde, a partir das 17h, haverá panfletagem da coligação de Jackson Barreto na rótula do Shopping Riomar. No sábado, pela manhã, JB fará nova carreata com saída às 9h da Colina do Santo Antonio. Já a noite, a partir das 19h, ele participa de caminhada e comício em Itabaiana, organizados pelo ex-prefeito e candidato a deputado estadual, Luciano Bispo (PMDB).   

Sukita 1
O que também se comenta nas rodas políticas é se o ex-prefeito Sukita (PSB/Capela), que passou 40 dias preso pela Polícia Federal acusado de improbidade administrativa e desvio de recursos da prefeitura, será ou não candidato a deputado estadual como deseja. Isso porque formalizou pedido de candidatura junto ao PSB, na vaga do seu irmão.

Sukita 2
Ontem a Executiva Regional do PSB saiu com nota dizendo que o pedido de registro de candidatura de Sukita será analisado e que a direção do partido em nenhum momento se comprometeu a fazer substituição de qualquer candidato a deputado estadual e colocar Sukita no lugar.  

Sukita 3
Diz ainda a nota que o PSB estará aberto ao debate interno visando resolver essa questão, vai ouvir as lideranças e dentro do prazo tomará a decisão para indicar um nome de consenso. Pela legislação eleitoral, o prazo para substituição de candidatos nas eleições deste ano encerra no próximo dia 6 de agosto. Com certeza uma eventual candidatura de Sukita representa desgaste para o PSB e coligação, pela prisão recente e pela acusação.

Resíduos sólidos 1
O governo federal não vai dar mais prazo para que os municípios acabem com os lixões e passem a armazenar os resíduos sólidos em aterros sanitários. O prazo acaba neste sábado, mas até agora menos da metade dos municípios em todo o país conta com destinação adequada do lixo. Em Sergipe existem 129 lixões.

Resíduos sólidos 2
Segundo a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, uma ampliação pode ser discutida no Congresso Nacional. Para ela, a repactuação do prazo para a adequação deve vir acompanhada de um debate ampliado sobre a lei, levando em conta a realidade de cada município. "A necessidade de repactuar o prazo deve ser tratada no Congresso Nacional. O governo apoia uma discussão ampliada sobre a lei. Ampliar o prazo sem considerar todas as questões é insuficiente. Não se trata de empurrar com a barriga", disse.

Resíduos sólidos 3
O Brasil tem atualmente 2.202 municípios que contam com destinação adequada dos resíduos sólidos, o que representa 39,5% das cidades do país. Por outro lado, 60% do volume de resíduos já está com destinação adequada. Em Sergipe, apenas três municípios estão colocando o lixo em um aterro sanitário privado: Aracaju, Nossa Senhora do Socorro e Rosário do Catete. Os demais aderiram ao Consórcio de Saneamento Básico de Resíduos Sólidos, que o Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, ajudou a constituir.

Veja essa...
Acabou o mês de julho e os servidores da Prefeitura de Aracaju não receberam seus salários. É a primeira vez, após 20 anos, que os servidores municipais da capital não recebem seus vencimentos dentro do mês. A insatisfação é geral contra o prefeito João Alves (DEM), que já tem o descontentamento da população pelo fato de não ter solucionado ainda os problemas da saúde, mobilidade urbana e buraqueira na cidade. O pagamento só será liberado hoje

Curtas
A ex-primeira-dama Leonor Barreto Franco já está engajada na campanha à reeleição da senadora Maria do Carmo (DEM), por conta da presença de seu filho Ricardo como primeiro suplente da chapa. O ex-governador Albano Franco, pai do candidato a suplente, também participa da campanha.

Ontem à noite Eduardo Amorim e Maria do Carmo foram a Itabaiana para a inauguração do comitê eleitoral da deputada estadual candidata à reeleição Maria Mendonça (PP).
Nesta sexta-feira, secretários de Saúde, de Finanças e do Meio Ambiente dos municípios sergipanos vão participar de uma reunião com o deputado federal André Moura, na sede da Federação dos Municípios do Estado de Sergipe (Fames).

Na pauta, a discussão sobre a relatoria da Medida Provisória (MP 649/2014), que trata da Lei de Resíduos Sólidos; e o pagamento do piso salarial dos agentes de saúde e endemias.